Internet fibra óptica: mitos e verdades sobre a tecnologia que cresce a cada dia no Brasil

A internet fibra óptica revolucionou o mercado de telecomunicações ao permitir uma transmissão de dados mais rápida e segura.

 

Graças a isso, a tecnologia tem ganhado cada vez mais espaço no Brasil, conforme mostra um painel da Agência Nacional de Telecomunicações (Anatel). No país, dois terços (66%) das conexões de banda larga fixa são baseadas em fibra óptica, o que corresponde a quase 28 milhões de negócios.

 

Mas, apesar da sua popularidade, muitas pessoas ainda têm dúvidas sobre a solução. Afinal, ela é, de fato, mais veloz? Impossibilita ataques hackers? É mais frágil pelos cabos serem de vidro?

 

Neste artigo, vamos esclarecer os principais questionamentos e listar os mitos e verdades sobre a internet fibra óptica. Acompanhe!

Crescimento da internet fibra óptica no Brasil

Para quem acompanhou a evolução da internet no Brasil desde a época da conexão discada, ter, hoje, uma tecnologia de transmissão de dados rápida, eficiente e com maior potência de sinal é uma grande conquista.

 

Inclusive, essas são algumas das características que tornaram a fibra óptica tão popular no nosso país. Segundo uma pesquisa divulgada pela Anatel em 2021, ela teve uma expansão de 70% em todo território nacional após a pandemia causada pela covid-19. Esse crescimento se justifica, principalmente, pela adoção do home office por milhares de pessoas e empresas.

 

Ainda de acordo com o balanço da agência, os acessos com a tecnologia de fibra óptica somaram 26 milhões de assinantes em dezembro do mesmo ano. Esse rápido crescimento corresponde a 91% dos provedores de internet no país, conforme dados do Comitê Gestor da Internet no Brasil (CGI.br), 

 

Em 2022, o número segue em expansão, com 28 milhões de usuários ativos.

Mitos e verdades sobre a internet fibra óptica

Com a difusão da internet fibra óptica, muitas informações sobre ela começaram a circular nas redes sociais e demais sites da web, mas nem todas são verdadeiras. Por isso, nos próximos tópicos, vamos esclarecer o que é mito e o que é verídico quando o assunto é essa tecnologia que conquista novos adeptos a cada dia.

1. A internet fibra óptica é mais rápida

Verdade! A fibra óptica é a tecnologia mais rápida dentro dos módulos de conexão de internet. Não à toa, em 2020, um grupo de cientistas do Instituto Nacional de Tecnologia da Informação e Comunicação do Japão, (NICT), bateu o recorde mundial de velocidade de transmissão por meio da fibra óptica. 

 

O resultado chegou a 1 Petabit por segundo, um valor 5,7 vezes mais rápido que a velocidade obtida até hoje para uma solução desse tipo.

 

Essa característica veloz só é possível graças a capacidade de transferência de dados, a qual é muito maior do que uma conexão via cabos de cobre, por exemplo. A largura da banda em um único canal é, em média, de 10 a 80 Gigabits por segundo.

2. É impossível de ser hackeada

Mito! Embora seja uma alternativa muito mais segura, a internet fibra óptica não é imune aos ataques hackers. Diferente dos fios de cobre, que oferecem riscos de vazamento de sinais eletromagnéticos, a tecnologia possui uma vedação 100% eficaz, uma vez que a luz emitida não ultrapassa as paredes do seu revestimento.

 

No entanto, pessoas mal intencionadas podem, sim, apropriar dos dados transmitidos por meio da fibra, mas desde que haja um contato físico com os cabos da sua internet.

3. Por ser de vidro, é mais frágil

Outro mito! Sim, os cabos da fibra óptica são feitos de vidro, mas isso não significa que eles são mais frágeis. Muito pelo contrário!

 

O material usado na sua composição é a sílica ultrapura, um elemento extremamente resistente a altas temperaturas e pressões fortes. Em testes, sua resistência chega a mais de 42 toneladas por centímetro quadrado, o que o torna superior aos fios comuns.

 

Além disso, o acabamento da fibra de vidro é feita com fios de aramida, envolvidos por materiais sólidos, como Kevlar que, por sua vez, é cinco vezes mais forte que o aço.

4. Não sofre interferências eletromagnéticas

Verdade! A fibra óptica não utiliza sinais elétricos, e sim impulsos de luz. Dessa forma, ao longo do cabeamento, ainda que existam pontos de interferência eletromagnética, as transmissões não serão afetadas, garantindo a qualidade da conexão.

5. A instalação é mais complexa

Mito! Essa é uma suposição que permanece desde o início da comercialização da fibra óptica. De fato, naquela época, o processo de instalação era mais complexo, mas, hoje, o cenário é totalmente diferente.

 

É importante lembrar que a tecnologia passou por diversas atualizações ao longo dos anos, de modo que, atualmente, as conexões são muito mais práticas. O peso e o diâmetro das fibras são menores e, além disso, os profissionais já estão mais habituados com a instalação, o que facilita o trabalho. 

6. É ambientalmente mais correta

Sem dúvidas! A quantidade de energia necessária para enviar um feixe luminoso por meio dos cabos da fibra óptica é muito menor do que a de um sinal elétrico. Consequentemente, o consumo mais baixo de eletricidade garante menos emissões de dióxido carbono, um dos principais gases associados ao efeito estufa.

 

Assim, ao optar pela instalação da tecnologia, você ganha em segurança, eficiência e conectividade e, de quebra, ajuda o meio ambiente.

 

Incrível o que a internet fibra óptica pode oferecer, não é? Por isso, vale a pena conferir os planos das principais operadoras do país como: Oi, Tim, ViVo e Claro internet 500 mega.
Aproveite essas vantagens e entre para o universo dessa tecnologia que cresce a cada dia no Brasil.


Publicado

em

por

Tags:

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *