Siga essas dicas para garantir sua aceitação no Auxílio Brasil

0
37

Pontos-chave

  • Fila de espera do Auxílio Brasil teve redução de 1,6 milhão de família;
  • Calendário de entrega de agosto terminar na próxima semana;
  • A consulta do pagamento do Auxílio Brasil pode ser feita pelo aplicativo do programa.

Recentemente, o Auxílio Brasil passou por algumas mudanças, incluindo o aumento no valor do benefício, número de parcelas e redução da fila de espera. Diante das novidades vários cidadãos possuem dúvidas da inclusão no programa, especialmente aquelas que já estão de acordo com todas as regras.

Estou na fila de espera do AUXÍLIO BRASIL, como saber se serei contemplado?  Saiba como GARANTIR sua APROVAÇÃO
Estou na fila de espera do AUXÍLIO BRASIL, como saber se serei contemplado? Saiba como GARANTIR sua APROVAÇÃO. (Imagem: FDR)

Todas as mudanças partiram da PEC dos Benefíciospromulgada no dia 14 de julho. O texto previsto que, até dezembro de 2022o Governo Federal pague a mensalidade no valor de R$ 600 aos beneficiários fazem Auxílio Brasil. De janeiro de 2023 em diante, as parcelas retornam ao valor fixo normal de R$ 400.

Além da oferta no valor do benefício e na quantidade de parcelas, o Governo Federal através do fazer Ministério da Cidadania, também conseguiu ampliar o número de beneficiários para mais de 20 milhões. Assim, a fila de espera do Auxílio Brasil teve uma redução em torno de dois milhões de famílias.

Os novos beneficiários já tiveram acesso ao valor de R$ 600 Faz Auxílio Brasil. Enquanto isso, os demais contemplados não precisam se preocupar, pois Não há nenhum tipo de solicitação a ser não feita para 0 o aumento de R$ 20 entre agosto a dezembroa concessão será automática a quem se mantiver elegível.

Regras do Auxílio Brasil

Não houve grandes mudanças nas regras do programa. Os beneficiários e aqueles que querem ser rendas inseridas na transferência de precisam estar com as informações cadastrais no sistema do Cadastro Único (CadÚnico), devidamente atualizadas. Além disso, precisam se enquadrar nas linhas de:

  • Extrema pobreza: renda familiar per capita mensal de R$ 105;
  • Pobreza: renda familiar per capita mensal entre R$ 105,01 e R$ 210.

Estando de acordo com esses critérios básicos, existem três maneiras de ser incluídas no Auxílio Brasil. São elas:

  • Se já tinha o Bolsa Família: Auxílio Brasil será pago automaticamente;
  • Se está no CadÚnico, mas não recebeu o Bolsa Família: vai para a lista de reserva;
  • Se não está no CadÚnico, é preciso um Cras para registro, sem garantia de receber.

É extremamente importante lembrar que a família deve ser composta por alguns desses componentes:

  • Crianças;
  • Gestantes;
  • Mães que ainda estão em processo de entrega;
  • Adolescentes;
  • Jovens entre 0 a 21 anos incompletos.

Consulta do Auxílio Brasil

UMA consulta dos pagamentos do Auxílio Brasil pode ser feito apenas com o número do Cadastro de Pessoa Física (CPF). Antes de mais nada, é preciso fazer o baixar o aplicativo do programa. A plataforma está disponível nas lojas Google Play e App Storedisponível nos sistemas Android e iOS.

Também existe a possibilidade de fazer uma consulta pelo aplicativo do Caixa Tem, plataforma que reúne outras informações à data de pagamento, valor das parcelas e gerenciamento dos valores recebidos. Veja o passo a passo para realizar a consulta do Auxílio Brasil a seguir:

  • Faça o download do aplicativo do Auxílio Brasil;
  • inicie o acesso inserindo o número do CPF;
  • Em seguida, crie uma senha e conclua o acesso;
  • Após entrar no aplicativo, na tela inicial, clique no botão de consulta dos valores;

Além da consulta online existe uma outra alternativa, que também pode ser em prática via telefone. Basta ligar em um destes dois números:

  • Telefone 111: Central da Caixa Econômica Federal (CEF);
  • Telefone 121: Central de Relacionamento do Ministério da Cidadania.

Vale destacar que, em ambos os casos, também é crucial informar o número do CPF para obter qualquer informação.

Clique aqui e aperte o botão “Seguir” para você ser o primeiro a receber as últimas informações sobre este assunto no seu celular!

Calendário do Auxílio Brasil em agosto

Apesar da antecipação do calendário do Auxílio Brasil, o Governo Federal manter o padrão de pagamentos. Isso quer dizer que os depósitos continuarão a ser feitos com base no dígito final do Número de Identificação Social (NIS). Veja:

  • NIS final de NIS 1 – 09 de agosto;
  • NIS final de NIS 2 – 10 de agosto;
  • NIS final de NIS 3 – 11 de agosto;
  • NIS final de NIS 4 – 12 de agosto;
  • NIS final de NIS 5 – 15 de agosto;
  • NIS final de NIS 6 – 16 de agosto;
  • NIS final de NIS 7 – 17 de agosto;
  • NIS final de NIS 8 – 18 de agosto;
  • NIS final de NIS 9 – 19 de agosto;
  • NIS final de NIS 0 – 22 de agosto.
Laura Alvarenga

Laura Alvarenga é graduada em Jornalismo pelo Centro Universitário do Triângulo em Uberlândia – MG. Começou a carreira de assessoria de comunicação, passou alguns anos trabalhando em pequenos jornais impressos locais e agora se empenhou na carreira de jornalismo online através do portal FDR, onde pesquisa e produz conteúdo sobre economia, direitos sociais e finanças.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here