Pechinchas da Bolsa e que mais movimento Comprar ou Vender na semana passada – Money Times

0
27

B3, Ibovespa Futuro, Mercados, Ações, small caps
Confira como pechinchas da Bolsa e outros destaques da editoria Comprar ou Vender da semana passada (Imagem: Money Times/Diana Cheng)

UMA Bolsa brasileira é barato. Isso não é novidade. Os investidores estão atentos às melhores apostas do momento. Com os leitores do Tempos de dinheironão seria diferente.

Os buscaram a última semana para pechinchas da B3 (B3SA3), embora não tenha revelado o lado das empresas de commodities Revista Luiza (MGLU3).

Confira a seguir os destaques da editoria Comprar ou Vender da semana passada:

10º lugar – Ação do IRB (IRBR3) derrete 12% com oferta possível

As do IRB Brasil (IRBR3) derretiam 12,12% por volta das 10h40 desta segunda-feira (15), a R$ 2,03, após a empresa confirmar que estuda uma oferta de ações.

Verificar mais detalhes da operação possível.

9º lugar – Ibovespa acima de 110 mil pontos não vai durar; Capital Economics vê queda de 15% até o fim do ano

A Capital Economics estima uma queda de aproximadamente 15% para o Ibovespa no restante de 2022.

Isso porque, acordo de crescimento global, os ativos de maior devem ser os indicadores nos próximos meses, as condições financeiras financeiras com o risco global mais apertado que o esperado.

Leia mais sobre uma análise.

8º lugar – Vilão em comum: O que fazer com VALE3 e CMIN3, diante da entrada do minério de ferro?

A Vale (VALE3) ea CSN (CSNA3) sentem os efeitos da correção nos preços do minério de ferro. O impacto pode ser visto nos últimos resultados de ambas as empresas, que não respeitam o mercado ao reportar dados mais fracos no segundo trimestre do ano.

Descubra se as ações são uma atratividade.

7º lugar – A ação de petroleira que pode saltar 212%, segundo o Itaú BBA

O Itaú BBA retomou a cobertura de ações de 3R Petrole (RRRP3), PetroVReconcavo (REC3) e PetroRio (PRIO3) com cobertura de “outperform” (desempenho esperado acima do mercado, equivalente a compra).

Veja os preços-alvo indicações pela instituição para cada petroleira.

6º lugar – CSN (CSNA3) ou CSN Mineração (CMIN3)? Saiba qual ação comprar após os resultados

A CSN (CSNA) mostra um conjunto de resultados considerados fracos por analistas. O desempenho ruim tem explicação: a unidade de mineração.

Saiba se o papel da controladora está mais atento que a da controlada.

5º lugar – IRB (IRBR3): 3 motivos para vender ação agora; “Perspectivas não são boas”, diz BB

IRB Brasil (IRBR) Investimentos para venda após a divulgação dos resultados.

Análise os motivos do corte do rating.

4º lugar – Analistas revelação ação do agronegócio que pode dobrar de valor em um ano

Existe uma ação no agronegócio que está dando sopa, com se brasileiro diz por aí. Analistas do BTG Pactual estimam que o papel tem o potencial de dobrar de valor na Bolsa em um ano, ou seja, entregar uma valorização de 100% aos investidores.

Descubra o nome clicando aqui.

3º lugar – Ativa eleva Magazine Luiza (MGLU3) compra e cita “grande distorção” no preço de tela atual

A Revista de Investimentos Elevou a Trimestre de Ação3 para a Revista Luiza (MGLU) com preço-alvo de R$ 6,20, após divulgação dos resultados do segundo trimestre.

Saiba os motivos por trás da mudança.

2º lugar investiu em PetrobrasPETR4) depois (depois de restaru); vem mais provados por aí, diz analista

Quem investe ações da Petrobras (PETR3; PETR4) divulgação da divulgação do pagamento de $ R$ 87 bilhões em consultau mais de 27%, mostra o levantamento Economatica/TC, a do Money Times.

Leia mais sobre o “trem dos dois” da estatal.

1º lugar – abrem “carteira” e Gestor pechinchas para decidir umabolsa estúpida barata”

Há sinais para créditos que a bolsa está “estúpida de barata”. É o que dizem os gestores João Luiz Braga, CEO e fundador da Encore Asset, e Luiz Alves Jr., gestor da Versa Asset, que conversaram com Thiago Salomão e Renato Santiago, em mais um episódio de Market Makers.

Verificar a conversa com os gestores.

Receba como as newsletters do Money Times!

Cadastre-se nas nossas newsletters e sejam sempre bem informados com as notícias que enriquecem seu dia! O Money Times traz 8 curadorias que abrangem os principais temas do mercado. Faça agora seu cadastro e receber as informações diretamente no seu e-mail. É de graça!

Isenção de responsabilidade

O Tempos de dinheiro publica informativas, de caráter jornalístico. Essa não constitui uma constituição de investimento.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here