Se você começou recentemente nas redes sociais e quer aumentar suas vendas e sua presença no mundo da Internet acompanhe esse artigo. 

Saiba que infelizmente não basta ter um perfil com boas frases para o status do Instagram e do WhatsApp, é preciso ter uma conta interessante, que desperte o interesse dos futuros seguidores. 

  1. Faça um network com instagrammers e blogueiros

Se você tem alguns amigos que possuem mais seguidores que você, entre em contato com eles e ofereça a eles um presente/cupom/recompensa em dinheiro para postar uma foto de qualidade e bem bonita do seu produto no Instagram. Para ganhar os primeiros seguidores  isso vai fazer bastante efeito, mas você não deve usar essa abordagem o tempo todo, pois você pode facilmente falir.

Quando novos usuários virem outros compradores compartilhando suas fotos, eles farão isso naturalmente e de forma totalmente gratuita.

2. Chame a atenção com o conteúdo

Claro, você sabe que mesmo os métodos de promoção mais caros não salvarão um perfil com conteúdo ruim. No Instagram, a foto e vídeo é tudo.

Você já ouviu falar sobre a qualidade da foto mais de uma vez, isso é óbvio. Mas há outro ponto importante que motiva a maioria das pessoas a seguir aquele conteúdo ao invés de seguir outros. É uniformidade e consistência de estilo.

Quando um novo visitante chega ao seu perfil, ele quer entender qual conteúdo verá em seu feed e assim seguir você.

Não o engane. Todas as suas fotos e vídeos devem caber em um único tema, visão, imagem. O mesmo se aplica aos textos. Se sua promessa de ser consistente “parece” forte o suficiente, você poderá chegar aos seus 10.000 seguidores mais rapidamente. Tenha um nicho definido.

Uma ideia legal (e acaba saindo mais barato) é comprar um conjunto de templates prontos para redes sociais.

Se você observar qualquer empreendedor online de sucesso, notará que tanto o site quanto a página de mídia social têm consistência em toda a sua marca. Trata-se, antes de mais nada, de uma identidade corporativa e de um grafismo “único”! É por esses parâmetros-chave que as marcas famosas são reconhecíveis antes mesmo de você ler o post. Essa sequência é fundamental na hora de criar uma marca.

Então, quando você compra um conjunto de templates de mídia social, eles tendem a ter um estilo consistente e consistente. Isso facilita a manutenção da integridade e consistência de todos os gráficos de mídia social. Muita gente contrata um designer para fazer esses templates mais exclusivos. 

Embora os modelos de mídia social custem dinheiro, você economiza muito – em tempo! Tempo = dinheiro no final, então vale a pena.

Além disso, se você comparar o custo dos templates com a contratação de um designer profissional para projetar suas redes sociais, sentirá uma ENORME diferença.

Como os modelos de mídia social facilitam e agilizam o design do seu próprio, por que você gastaria dinheiro para contratar alguém? Além disso, trabalhar com eles é extremamente simples: baixe designs, insira texto, cores corporativas e imagens. Envie para suas redes sociais. Estrondo! Realizado! Não há necessidade de se preocupar se eles parecem orgânicos e como colocar este ou aquele objeto – todo esse material de design complexo já foi feito para você.

3. Ignore as regras de hashtag

Muitos especialistas e estudos dirão que você não deve usar mais de 5 a 11 hashtags. Sim, eles estão certos. Mas isso não se aplica a novatos como você.

Use o poder das hashtags ao máximo, porque é gratuito e eficaz. 

Não tenha medo de incluir todas as 30 hashtags válidas em um post (de preferência no primeiro comentário).

Faça uma lista de palavras-chave relevantes, salve-a em seu telefone e copie-a para economizar tempo.

E, claro, experimentar. Experimente hashtags diferentes, deixe as combinações mais eficazes.

A única recomendação de especialistas que você realmente deve seguir é não usar hashtags genéricas. Você simplesmente se afogará em um mar de outras postagens e dificilmente conseguirá atrair clientes em potencial com a ajuda deles.

4. Siga os concorrentes

Se uma pessoa já está inscrita em uma marca, é mais provável que ela assine outra. Procure seus concorrentes nas redes sociais, dando preferência a marcas pequenas como você.

Estude suas postagens, veja quem deixa comentários, quem gosta regularmente. Comece a seguir essas pessoas  e comece a se comunicar com eles por meio de curtidas e comentários direto. Mas não seja um spammer! Não sobrecarregue os usuários com mensagens publicitárias. Eles não vão gostar disso. Vai com calma.

Você tem outras dicas sobre como conseguir seguidores no Instagram? Sugiro você além de todas essas dicas não se esquecer de postar com assiduidade.

Para mais dicas de marketing digital, viagem e turismo acesse Elizabeth Werneck