Diante da Autopeças e itens eletrônicos para a Volkswagen, o sindicato de metalúrgicos serviços falta o plano. Saiba mais!

Imagem: MDart10 / Shutterstock

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

A partir de julho, a Volkswagen vai reduzir em 12% a jornada de trabalho dos funcionários da principal fábrica da empresa no Brasil, localizada em São Bernardo do Campo (SP). A montadora tem um quadro de aproximadamente 8,2 mil trabalhadores no local, sendo que 4,5 mil atuantes na produção.

A informação foi divulgada pelo sindicato metalúrgico, que, falta de autopeças e produtos eletrônicos locais para o montadora, a seguir, itens eletrônicos o plano. Em maio deste ano, os trabalhadores da mesma planta entraram em férias coletivas por 20 dias, devido à falta de componentes.

Plano aplicado pela Volkswagen será avaliado mensalmente, diz sindicato

De acordo com a empresa, a ação será aplicada no retorno das férias coletivas 10 dias dos funcionários que trabalham na área de produção, para o período de 27 de junho e 7 de julho.

Ao g1, o sindicato das peças será avaliado comunicoumente e que o fim da medida aplicado pela empresa vai fornecer o fluxo de veículos das peças. A unidade localizada em São Bernardo do Campo fabrica em torno de 800 veículos por dia.

Além disso, o diretor administrativo do Sindicato dos Metalúrgicos do ABC, Wellington Damasceno, a Volkswagen planeja suspender um turno de produção como opção à falta de fornecimento.

“Negociamos a redução de jornada justamente pelo impacto que a decisão teria. Não principalmente para os trabalhadores na Volks, para toda a cadeia de produção, principalmente para os trabalhadores só para terceiros”, explicou Damasceno, em comunicado.

Ebanx: fintech brasileira anuncia demissão de 20% dos funcionários

Uma outra empresa que se viu obrigada a alterar o seu quadro de funcionários foi o Ebanx. A companhia anunciou uma demissão de 20% dos funcionários. UMA fintech brasileira de soluções de, que tinha um quadro de 1,7 mil funcionários, demitiu 340 trabalhadores.

Os desligamentos fazem parte de um plano de existência, uma vez que são alguns projetos internos. A fintech aponta que a decisão foi tomada com base no cenário atual do mercado de tecnologia, que está profundamente impactado e acelerado pelo ambiente macroeconômico.

O Ebanx não é a primeira ou única empresa a anunciar ajustes como plano para aliviar o cenário macroeconômico atual, que atende a todo o mundo. O Quinto Facily, Loft, Mercado e instituições já anunciam de Bitcoins e outras instituições que trabalham com diversos setores.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então não siga não canal do youtube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Contração muscular e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre Bancos digital, cartões de crédito, Financeiro, fintechs e relacionado ao mundo das finanças.

Imagem: MDart10 / Shutterstock