Veja como se proteger do Golpe do CPF!

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Mais um golpe tem através do WhatsApp, dessa vez alertando as pessoas sobre uma falsa regularização do CPF Por esse ser um documento essencial na vida dos contribuintes, muita gente caiu nesse tipo de fraude.

Para tentar conter esse problema, a Receita Federal está atenta ao CPF e alerta os contribuintes que não cobra nenhum valor pelo serviço de fraude regular.

Como funciona o golpe do CPF?

Por meio de SMS, WhatsApp e e-mails, os contribuintes recebem mensagens com links que induzem a vítima a pagar uma taxa para regularizar o CPF. A abordagem dos órgãos da bandeira traz a identificação como “Receita” e usando o termo IRPF, assim como os núcleos do órgão nacional.

Foram registrados casos de pessoas que amam o valor, notificados à Receita e pagar a Receita que não houve qualquer pendência. Em outras circunstâncias, houve pendências, como ausência de atraso e multa por atraso, mas o valor pago aos efeitos, que pode não passar de R$ 270, serviu de nada.

Para quem, ao esse tipo de mensagem, ainda receber em dúvida, a Receita recomenda entrar em contato direto com o órgão público, além de não clicar em nenhum link enviado junto com a mensagem.

Como regularizar o CPF?

Antes de regularizar o seu CPF, é necessário saber se ele está ou não regular. Para isso, acesse o site de Comprovante de Situação Cadastral do CPF e como informações solicitadas. Uma mensagem indicará a situação atual do documento.

Se o documento estiver irregular, fique tranquilo. A regularização de CPF é gratuita e deve ser feita pelo site oficial da Receita Federal. Na página, o contribuinte deve selecionar a opção “Opções de orientação sobre a correção do CPF”, onde foram encontradas orientações sobre a correção do CPF do CPF de acordo com a irregularidade no sistema.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal não Youtube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Instagrame Contração muscular. Assim, você acompanhará tudo sobre Bancos digital, cartões de crédito, Financeiro, fintechs e relacionado ao mundo das finanças.

Imagem: Marcelo Ricardo Daros / Shutterstock.com