A Polícia Federal descobriu que o ex-ministro da Educação Milton Ribeiro e o pastor Arilton Moura possuíam telefones secretos para se comunicarem.

A descoberta ocorreu durante uma primeira interceptação telefônica autorizada pela Justiça no âmbito da investigação sobre um suposto esquema de corrupção no MEC.

“Foi descoberto que os alvos Milton, Arilton, e Luciano (Musse, ex-gerente de projetos da Secretaria Executiva do MEC) possuem números de telefones celulares que até então eram desconhecidos e que devem constar de eventual nova decisão de interceptação”, escreveu a PF em relatório enviado ao Ministério Público Federal, ao qual a coluna teve acesso.

A descoberta levou a PF a pedir a prorrogação da interceptação telefônica dos investigados e o deferimento de interceptação de novos terminais celulares móveis.



Source link