Os você faz Distrito Federal citar nomes eleitos, quando questionados em quemiam deputado distrital, caso para 4 nomes eleitos hoje, segundo a pesquisa Metrópoles/Ideia, divulgado nesta sexta-feira (24/6). Mas é grande o percentual de cidadãos que disse não saber em quem votar: 66,8%.

A é espontânea, ou seja, podem ser escolhidas, o nome de quem quer que seja escolhido.

A diferença de avaliação é apertada. Professora Deusinha tem 1,4% das intenções de voto e aparece em primeiro lugar. Logo atrás, estão Erika Kokay (PT), com 1,1%, seguida de Bia Kicis (PL) e Milena Câmara (PP), indicadas por 1% do eleitorado.

Entre os 4 membros atuais, 13 foram apresentados pelos atuais 2. São eles: Delegado Fernando Fernandes (Pros), Martins Machado (Republicanos), Fábio Felix (PSol), João Cardoso (Avante), Robério Negreiros (PSD), Roosevelt Vilela (PL), Reginaldo Veras (PV), Claudio Abrantes (PSD) ), Iolando (MDB), José Gomes (PP), Leandro Grass (PV), Agaciel Maia (PL) e Jorge Vianna (PSD).

Não voto total, branco 11,4% dos responderam que vão nulo. E 1,1% citou outros nomes.

Veja o resultado:

Flávia, Reguffe e Damares estão empatados na corrida eleitoral para o Senado, diz pesquisa Metrópoles/Ideia

Ibaneis tem 34,5% das intenções de voto e lidera com folga pelo GDF, diz pesquisa Metrópoles/Ideia

Pesquisa

O Metrópoles Uma série de pesquisas eleitorais será publicada pelo portal ao Instituto Ideia. Os levantamentos para aferir a preferência do eleitorado brasileiro serão divulgados até a véspera do segundo turno.

Foram entrevistadas 1.200 pessoas na faixa etária de 16 anos ou mais, com Título de Eleitor, em todas as regiões administrativas do Distrito Federal, entre os dias 16 e 21 de junho.

A pesquisa foi realizada com pesquisa de estudo de seleção, por meio de pesquisa realizada com base em pesquisa, com estudo de amostra e ponderação de sexo econômico.

A margem de erro é de 3 pontos percentuais para mais ou para menos, considerando um nível de confiança de 95%.

A pesquisa está registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) sob os números DF-04171/2022 e BR-09578/2022.