[ad_1]

Uruguaio foi acusado de exagerar em festas em condomínio


Nesta quinta-feira (23), Arrascaeta se posicionou, via redes sociais, sobre a notícia de que havia sido expulso do próprio condomínio por excesso de festas. Segundo publicação do Jornal Extra, o uruguaio foi motivo de revolta dos moradores do prédio onde o atleta reside. No entanto, após nota publicada pelo Flamengo em que desmente a informação, o meio-campista aproveitou o momento para reforçar o compromisso que tem com a boa conduta em relação ao clube.

VEJA PUBLICAÇÃO DE ARRASCAETA:

Segundo o Jornal Extra, Arrascaeta realizou algumas festas na cobertura do prédio onde mora, na Barra da Tijuca. Por excesso de música alta e barulhos “fora de hora”, moradores do local exigiram a saída do atleta do condomínio. Por conta disso, a administração acatou o desejo das pessoas e teria expulsado o meio-campista. A notícia do veículo carioca também cita que o uruguaio tem novo affair, agora com uma cantora do Rio de Janeiro, com quem foi visto em noites de uma boate na Cidade Maravilhosa.

Para desmentir a notícia, o Flamengo divulgou uma nota nesta quinta-feira (23) para desmentir as informações divulgadas pelo Extra. No comunicado, o Rubro-Negro alega que Arrascaeta não mora no condomínio levado em questão pela reportagem do jornal há mais de dois meses, bem como nunca teria residido na cobertura do prédio.

Ainda de acordo com a nota oficial, o Flamengo acusou o Extra de “buscar engajamento a qualquer preço” e ainda alertou o jornal para começar a se fazer um jornalismo responsável, compromissado com verdades. O Rubro-Negro também ressaltou que o atleta “jamais soube de algum movimento de moradores pedindo sua saída do condomínio”.

CONFIRA NOTA DO FLAMENGO NA ÍNTEGRA:

“Novamente vemos uma nota inverídica sobre o Flamengo ser publicada pela imprensa. Desta vez, na edição de hoje, quinta-feira, do Jornal Extra. A nota aborda detalhes da vida pessoal do atleta De Arrascaeta que não condizem com a verdade.

O conteúdo atinge a honra do jogador com informações inverídicas, inclusive sobre o local em que o atleta reside.

Há mais de dois meses ele não mora no referido condomínio, nunca morou na cobertura do prédio e jamais soube de algum movimento de moradores pedindo sua saída do condomínio.

Além disto, apesar de conhecer a moça citada na matéria, não mantém qualquer tipo de relacionamento pessoal com ela.

Não se entende a razão de uma nota como esta, sem nenhum compromisso com a verdade, ser publicada em um órgão de imprensa.

O Clube de Regatas do Flamengo reforça, mais uma vez, a necessidade de se fazer um jornalismo responsável, sem a busca de engajamento a qualquer preço – inclusive com inverdades. O clube reitera seu apoio total a De Arrascaeta, que sempre mostrou profissionalismo e comprometimento com a camisa do Flamengo, sendo, por isso mesmo, um dos ídolos da nossa história.”



[ad_2]

Source link