Crédito: REUTERS/Diego Vara

Ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (Crédito: REUTERS/Diego Vara)

Por Maria Carolina Marcelo

BRASÍLIA (Reuters) – O ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva (PT) venceria as eleições em primeiro turno, caso elas fossem veiculadas agora, mostraram Datafolha divulgada nesta quinta-feira.

Na pergunta estimulada, em que são votados na nomes dos postulantes ao cargo, Lula registra 47% das intenções de corrida pelo Palácio do Planalto, frente do presidente Jair Bolsonaro (PL) com 28%.

Em maio, quando foi realizada a sondagem do instituto, Lula computava 48% da preferência eleitoral, enquanto Bolsonaro marcava 27%. As variações dos dois estão dentro da margem de erro da pesquisa, que é de 2 pontos percentuais, para mais ou para menos.

O patamar percentual de Lula supera a soma de todas as pontuações dos demais pré-candidatos. Considerando os votos válidos, que excluem os brancos e nulos, Lula aparece com 53%, contra 32% de Bolsonaro, o que garantiria a seleção do petista já no primeiro turn.

Realizada entre a quinta-feira e esta quinta-feira, uma pesquisa realizada após o anúncio do reajuste dos orgânicos na quarta-feira, depois do último nascimento e assassinato do indigenista Dom Phillips e em meio à repercussão da prisão do ex-ministro da Educação da Gestão de Bolsonaro Milton Ribeiro, por investigar de Bolsonaro.

SEGUNDO PELOTÃO

Seguindo, a distância percentual, os dois primeiros escolhidos uma boa disputa, vem o chamado pelo segundo na do primeiro turno: o pré-candidato do PDT, Ciro Gomes, com 8% –1 acima do registro em maio–, seguido de André Janones (Avante), com 2%, e Simone Tebet (MDB), com 1%. Os dois últimos foram pontuados com 2% na última sondagem do instituto.

Os políticos que defendem a empresa ou a Lula são chamados de alternativa viável.

O percentual dos que votaram em branco, nulo ou em nenhum dos nomes oferecidos chegou a 7%, mostra a pesquisa, quanto 4% responderam não saber em quem votar.

Quando citados são apresentados por 3 nomes citados, Lula em uma pergunta é apresentada pelos nomes pré-candidatos que não são apresentados por 25%.

Em maio, Lula registra 38%, enquanto Bolsonaro era lembrado por 22%.

A pesquisa Datafolha entrevistou 2.556 pessoas em 181 cidades do país.

tagreuters.com2022binary_LYNXMPEI5M0Z3-BASEIMAGE