Quando parecer em aplicativos de relacionamento, mas talvez sim a primeira coisa que venha à mente não seja mais “encontrar um parceiro possível o medo de cair em um golpe. Isso, infelizmente, parece que a quantidade de golpes de dados através desses aplicativos tem aumentado.

Temos como exemplo a esteticista Lidiane Pereira, de 26 anos, que denunciou ter sido vítima de um golpe feito pelo seu próprio namorado, em Goiânia. Com isso, ela perdeu 25 mil reais.

Segundo o jovem, até o relacionamento de Eduardo Thomas Nunes Setna em um aplicativo de e ficou com ele durante dois meses que ele conseguiu se tornar conveniente para investir o dinheiro na compra de iPhones. Depois que ele se convenceu, ele sumiu. De acordo com Lidiane, quando ela o cobrou, ele ameaçou de morte.

Golpe

G1

“Eu tinha um carro que estava me dando despesa, vendi para investir em celulares. Os celulares chegaram na casa dele, ele vendeu, mudou de apartamento e eu não consegui mais contato com ele. Sumiu, me bloqueou de tudo, diz que perdeu o dinheiro. Quero que todo mundo saiba quem ele é. Foi um golpe financeiro e emocional. Veio da pessoa que eu menos esperamos”, disse ela.

O caso do golpe Lidiane foi investigado pela Polícia Civil que indiciou Eduardo pelos crimes de ameaça e estelionato em fevereiro de 2022. Além deles, o Ministério Público do Estado de Goiás (MP-GO) também denunciou o homem pelos mesmos crimes. Em abril, a denúncia foi aceita pela Justiça.

A jovem contorno que ficou muito abalado depois de todo o ocorrido e por conta disso precisou de meses até conseguir exportar o caso. O golpe aconteceu em agosto e setembro de 2021, no entanto, ela só conseguiu prestar para a Polícia Civil em novembro e agora ela expôs o caso nas redes sociais.

Denúncia

G1

Em suas redes, ela fez um vídeo denunciando o golpe que ela tinha. Várias pessoas disso disso, disse que depois de outras pessoas recebidas falando que foram recebidas, mas que também não foram anunciadas de outras pessoas.

Segundo Lidiane, ela deu o dinheiro a Eduardo em agosto de 2021 para ele fazer o investimento. Nesse momento, os dois já estavam juntos há dois meses e, de acordo com ela, já tinham uma intimidade. Tanto que eles tinham filhos com amigos, ela já tinha sentimentos por ele e um laço de confiança. Justamente por conta disso que ela ficou bem abalada quando levou o golpe.

Além disso, em ano passado, foi diagnosticado com transtorno moderno e moderno, além de novembro. “Comecei a procurar ajuda, tomo remédio para dormir e toda vez que toco nesse assunto eu sempre choro. Como eu sei que está impune, eu estou falando no assunto, estou me expondo, para todo o mundo o que aconteceu, mas isso é uma ferida que eu vou carregar para sempre”.

Caso

G1

Conforme Lidiane contorno, desde que ela começou Eduardo sempre pensou que na compra de celulares era um bom negócio. E com o dinheiro dela, ele comprou do 16 celulares em um site exterior.

“Depois que eu passei o dinheiro, ele já mudou comigo: não ia mais na minha casa, casa enrolando quando era ir na dele. Ele comprou o código de produtos, mas o site não recebeu o código que ele enviou para os dados. Um dos amigos que morava com ele na república me confirmou que os celulares chegaram lá”, contorno.

A jovem disse também que ele vendeu os aparelhos no mesmo dia, mas não passou o dinheiro para ela. Por conta disso, Lidiane sempre o cobrava, mas Eduardo a enrolava, dizia que ia pagar, mas nunca nunca o dinheiro. Até que então ele ameaçou de morte por mensagem.

Depois disso, ela disse que ele a bloqueou das redes sociais e mudou de endereço. Com toda a situação, Lidiane acredita que Eduardo se deu muito tempo com a intenção única de tentar e que ela jamais imaginaria isso.

Fonte: G1

Imagens: G1