Que os queijos brasileiros são, todo mundo já sabe. Contudo, um tipo de produto lácteo feito em terras tupiniquins está na primeira colocação na lista de 50 melhores Queijos do Mundo, organizado pelo site Atlas do Gosto. O resultado do ranking foi divulgado na última terça-feira (21/6), nas redes sociais do portal.

Considerado uma iguaria mineira, o queijo Canastra, que leva o nome da Serra da Canastraregião localizada no sudeste de Minas Gerais, foi o melhor avaliado, deixando para trás os tradicionais Gran Padano, Gorgonzola Piccante e queijo Pecorino Sardo, outros famosos internacionalmente.

O queijo Canastra é produzir a partir do leite de vaca, encomendado na mesma propriedade onde fica a queijaria. Além de ter um sabor especial, se destaca também por ser um dos principais representantes da história mineira. Seu preparo é passado de geração em geração.

Em 2008, o método de produção do Queijo Canastra Artesanal foi reconhecido como Patrimônio Cultural Imaterial do Brasil pelo Instituto do Patrimônio Histórico e Artístico Nacional (IPHAN).

0

Sucesso internacional

Em 2021, o Brasil foi concurso de 57 das 331 medalhas na Fromage Produits Laitiers, produtos lácteos realizados na França.

A medalha mais almejada na competição, a super ouro, foi para cinco concorrentes nacionais, sendo dois deles de queijo canastra, que são da canastra reserva do Ivair José de Oliveira (Serra da Canastra, MG) e Canastra Serjão maturado 100 dias, de Sergio de Paula Alves (Piumhi, MG). Este ano, o Mundial dos Queijos será realizado em Inhotim (MG) entre 15 e 18 de setembro.