Detran-MS tem novas regras para quem deseja tirar CNH no estado. Carga horario e uso do simulador sao as principais mudanças.

Tempo estimado de leitura: 4 minutos

As novas para tirar a Carteira Nacional de Habilitação entraram em vigor no dia 16 de junho, em Mato Grosso do Sul.

Entre as mudanças publicadas na Resolução nº 778/2019 do Contran (Conselho Nacional de Trânsito), pode-se citar a não obrigatoriedade do uso do simulador nas autoescolas e redução na carga horária das aulas práticas.

Apesar de não ser obrigatório o uso de simuladores para a categoria B, as autoescolas podem disponibilizar para os alunos que desejarem.

Agora que o simulador não é mais obrigatório, a carga horária de aulas práticas é de 20 horas. Mas, se o aluno optar por usar o, 5 horas devem ser reduzidos. Quanto às 15 horas restantes, serão necessárias mais vias públicas.

Além disso, para quem deseja tirar a carteira de habilitação nas categorias A e B, a exigência de práticas noturnas é de 1 hora.

Emissão da CNH

Com as mudanças publicadas na Resolução n° 778/2019 para obter a Categoria A é necessário:

  • Avaliação psicológica;
  • Exame de Aptidão Física e Mental;
  • Curso teórico (45 horas/aula);
  • Exame Trabalho;
  • Curso de prática de direção veicular – mínimo de 20 horas/aula e pelo menos 1 no período noturno ;
  • Exame de prática de direção veicular .

No caso da Categoria B, é necessário:

  • Avaliação prática;
  • Exame de física e mental;
  • Curso teórico (45 horas/aula);
  • Exame Trabalho;
  • Curso de prática de direção veicular – mínimo de 20 horas/aula e pelo menos 1 hora no período noturno;
  • Exame de prática de direção veicular.

Documentos necessários pelo Detran-MS

Os documentos para obtenção da Carteira Nacional de Habilitação são:

  • Documento original com foto (RG);
  • Original e cópia do CPF;
  • Captura de biometria e imagem;
  • Original e cópia do documento de identificação.

Novo modelo de CNH em MS

Um novo modelo de CNH (Carteira Nacional de Habilitação) foi lançado no dia 1º de junho, em Mato Grosso do Sul. O Detran-MS foi o primeiro do Brasil a emitir a nova Carteira Nacional de Habilitação. As atualizações incluem novo design, adições que condizem com o modelo internacional e mudanças de segurança.

Em primeiro lugar, o que mais chama a atenção das pessoas é o novo visual. A nova CNH mantém um cor verde predominante, mas tem alguns detalhes em amarelo. A assinatura do motorista agora fica embaixo da foto e não mais dobra do documento.

Quanto ao formato das categorias, o padrão internacional será seguido para facilitar a identificação por países signatários da Convenção de Viena. Isto é, para casos de um veículo em estado de circulação internacional em território de um quando:

  • Pertence a uma pessoa física ou jurídica que tenha sua residência normal fora do estado,
  • Não se acha registrado no estado,
  • Foi importado para esse estado.

É preciso renovar uma CNH?

Para quem já tem a CNH, não é necessário se preocupar, a versão antiga ainda é válida. Entretanto, para aqueles que optarem por adquirir o novo modelo, é só solicitar a mediante taxas de serviço no valor de R$ 203,66.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então não siga não canal do youtube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Contração muscular e Instagram. Assim, você acompanhará tudo sobre Bancos digital, cartões de crédito, Financeiro, fintechs e relacionado ao mundo das finanças.

Imagem: rafapress / Shutterstock.com