Chegou o dia de estreia do Banco Inter na Nasdaq. Confira o que mudou para os investidores brasileiros e as novidades da fintech!

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

Para finalizar o ciclo de transição, nesta quinta-feira (23) o Banco Inter estreou na Nasdaq, bolsa de valores dos Estados Unidos. Como ações da fintech foram de ser negociados na B3 na sexta-feira (17) e os recibos de ações (BDRs), estrearam na segunda-feira (20), o ticker INBR3.

Em sua estreia, os BDRs do Inter na B3 fecharam em alta de 1,92%, a R$ 21,20. Mas, desde então, chegaram 10,4%, sendo negociados à R$19,01 às 13h40 desta quinta-feira (23).

Também nesta quinta-feira, houve um entrega das ações Classe A do Inter (INTR) para os acionistas que solicitaram uma conversão dos BDRs no dia 22 de junho. Vale lembrar que, com a transição, para cada seis ações preferenciais do Inter e/ou seis ordinárias, o acionista recebido um BDR. Para cada duas unidades, também foi entregue um BDR.

A mudança tem como premissa de atração mais visibilidade, acesso a uma base de investidores mais diversa e aumento de capital para o banco. O banco promete também diversificar a base de clientes e serviços com essa nova iniciativa.

Banco Inter estreia na Nasdaq: o que muda para os investidores brasileiros?

Os investidores bancos nas ações do Inter podem investir no banco digital por ações de ações (BDR), disponíveis na B3. Já para os acionistas que desejam investir diretamente nos papéis, a mudança mudou. Para fazer isso, após o recebimento dos BDRs na sua carteira, é cancelá-los e a carteira definida diretamente na bolsa americana.

O Banco Inter também declarou que, durante os 30 primeiros dias de negociação dos BDRs na B3 (até 22 de julho), subsidiará todas as taxas referentes a essa conversão. Após esse prazo, os custos serão de responsabilidade do acionista.

Para fazer essa conversão, o acionista deve ter uma conta válida junto a uma corretora de valores nos Estados Unidos, para qualificar para a Classe A dos BDRsmontados.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal não Youtube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Instagrame Contração muscular. Assim, você acompanhará tudo sobre Bancos digital, cartões de crédito, Financeiro, fintechs e relacionado ao mundo das finanças.

Imagem: Reprodução / Facebook Banco Inter