A Alphabet, empresa matriz do Google, está sendo investigada pelo Escritório Federal de Combate a Cartéis da Alemanha (FCO), órgão responsável por regular políticas de mercado, por supostamente dificultar a integração do aplicativo ‘Maps’ com outras plataformas do mercado, prática tida como anticompetitiva pela autoridade antitruste.

De acordo com a agência alemã, a Alphabet pode estar limitando intencionalmente o suporte de seus serviços com outros aplicativos que não pertencem ao conglomerado. Essa não é a primeira vez que a companhia enfrenta duras acusações de órgãos reguladores, visto que a agência do Reino Unido afirmou na semana passada que o Google e Apple praticam duopólio.

Segundo informações do FCO, há indícios de que a desenvolvedora dificulta o acesso de aplicativos de mapas de outras empresas aos recursos oferecidos pelo Maps, com isso a versão da Alphanet sai na frente por oferecer mais ferramentas, banco de dados atualizados e funcionalidades que não estão presentes em outros aplicativos.

Conforme destacou Andreas Mundt, presidente do FCO, “temos informações que sugerem que o Google pode estar restringindo a combinação de seus próprios serviços de mapa com serviços de mapas de terceiros”. A investigação deve acontecer nos próximos meses analisando o comportamento do Google e considerando a opinião de seus concorrentes.

Em resposta às acusações, um porta-voz da empresa destacou que os desenvolvedores possuem total liberdade para “usar outros serviços de mapeamento, além da plataforma Google Maps”, reforçando que a empresa colaborará

Você usa o Maps como aplicativo de rotas ou prefere outra plataforma? Conta pra gente, comente!



Source link