(Reuters) – O conselheiro Luiz Hoffman, relator do ato de concentração sobre a compra de 51% da Gaspetro pela Compass no Conselho Administrativo de Defesa Econômica (Cade), votou favoravelmente à operação.

Hoffman, pela Nova Lei do Gás, considerou que não há impedimentos. O decidir no Cade ainda está em andamento.

Advogados de associações que apresentaram parecer da Secretaria Geral do Conselho de recursos para venda seria uma do atual monopólio da Petrobras no setor à Compass.

O relator afirmou, porém, que não todas as atividades da empresa não ocorreram em todos os casos da cadeia e que, por isso, haveria verticalização.

“A Nova Lei do Gás não veda a verticalização entre as atividades de distribuição e distribuição, diferentemente do que ocorre na relação entre transporte vertical e distribuição, por exemplo”, disse Hoffman, referindo-se à forma como atuava a Petrobras.

(Por Rafaella Barros)

tagreuters.com2022binary_LYNXMPEI5L0RX-BASEIMAGE