Receita Federal alerta sobre golpes digitais vinculados à regularização do CPF

0
2

UMA Receita Federal fez um alertar nesta terça-feira (21) sobre a insuficiência de um novo tipo de golpe via SMS, WhatsApp e e-mail, Ligação à regularização do Cadastro de Pessoa Física (CPF).

Trata-se de um pedido de regularização da situação do CPF, em que, passando-se pelo órgão federal, os golpistas induzem a vítima a pagar uma taxa para ter o documento regularizado por meio de links fraudulentos.

“Sem identificação como ‘Receita’ e utilizam o termo IRPF, assim como como núcleos da entidade e da bandeira nacional”, diz a postagem.

O conhecido como “phishing”, uma tentativa de “fishing” uma vítima através de métodos conhecidos como falsas.

Há casos em que os golpistas pedem entre R$ 170 a R$ 275 para supostamente regularizar o CPF — serviço que é gratuito e feito pelo site oficial da entidade.

“Ao entrar no site, o contribuinte deve selecionar a opção ‘Meu CPF, em que orientações sobre como corrigir’ sua situação de acordo com a situação de irregularidade no sistema”, diz a Receita Federal.

A incidência de tentativas de fraude de vários tipos tem disparado no Brasil nos últimos meses. Somente no mês de fevereiro, segundo dados da Serasa Experian, 326.290 brasileiros foram alvos de golpes — o equivalente a uma vítima a cada 7 segundos. Saiba como se proteger.

*Sob supervisão de Ligia Tuon.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here