Ex-papa Bento 16 é alvo de ação judicial contra padre alemão por abuso sexual

0
3

Ex-papa Bento 16 é alvo de ação judicial contra padre alemão por abuso sexual

Ex-papa Bentp 16 no aeroporto de Munique antes de viajar para Roma

BERLIM (Reuters) (Reuters) – Uma ação judicial movida contra um – Um padre pedófilo na Alemanha busca estabelecer se o ex-papa Bento Infantil 16 e outros membros da Igreja Católica têm culpa em um caso histórico de abuso sexual, disse o advogado do autor da ação.

O processo foi criado em nome de um homem de pesquisa 38 anos, do Estado da Baviera, que diz ter sido feito por um padre quando criança, de acordo com a emissora BR, parceria com o centro de pesquisa correto e o semanário Di Zeit.

Andreas Schulz, o advogado que apresentou o caso ao tribunal regional de Traunstein, confirmou o conteúdo da reportagem à Reuters por e-mail.

Um porta-voz da Arquidiocese de Munique e Freising se resolve comentar um processo em andamento.

O processo tem como alvo um padre, identificado como Peter H., assim como Bento, que serviu como arcebispo de Munique e Freising de 1977 a 1982, seu sucessor no posto, o cardeal Friedrich Wetter, e outros membros da igreja, segundos vistos pela Reuters.

O caso pode abrir um precedente na Alemanha com o reconhecimento do abuso institucionalizado na igreja se determinar em um processo civil, pela primeira vez, com a suposta suposta culpa sobre as autoridades do clero.

A vítima, que quer permanecer anônima, tinha entre 11 e 12 anos de idade quando o padre alegadamente mostrou pornografia e abuso sexual dela, disse a reportagem da mídia alemã.

Uma reportagem divulgada em janeiro sobre abusos na arquidiocese de 1945 a 2019 acusou Bento de não ter agido contra clérigos em quatro casos.

Bento reembolsado que seus erros alegaram no dos casos posteriores ele ocupar a carga e que ele não reembolsou, e seus advogados de indenização alegaram.

(Reportagem de Rachel More e Madeline Chambers)

tagreuters.com2022binary_LYNXMPEI5L0UE-BASEIMAGE



LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here