Itaú Unibanco
Com uma correção recente nos mercados, o BTG vê o Itaú patamares e Bradesco sendo negociados para atrativos atrativos (Imagem: Money Times/Márcio Juliboni)

Com a proximidade do fim do trimestre, o BTG Pactual (BPAC11) ajustou suas considerações sobre Itaú Unibanco (ITUB4) e Bradesco (BBDC4), após conversar com ambas as empresas.

Não geral, o BTG está com boas perspectivas para os resultados do segundo trimestre das instituições financeiras.

Os analistas Eduardo Rosman, Ricardo Bupiguel e Thiago Paura se destacam, em relatórios divulgados nesta terça-feira (21), que o mercado de crédito continua ativo, embora a originação de crédito está desacelerando na margem, o que deve levar a uma desaceleração de crescimento até o fim do ano.

O time de analistas também acredita que NPLs (crédito não produtivo) continuando a atender, atendimentos pelo segmento de varejo.

“Assim como as provisões para as dívidas financeiras também devem ser fornecidas, embora isso deva ser preservado por uma recuperação mais forte de dívidas incobráveis”, Rosman, Buchpiguel e completa.

Por outro lado, o BTG afirma que o NII (receita líquida de juros) deve se expandir a modelos de clientes no comparativo trimestral. A parte de seguros também tem surpresa para o lado positivo, destacado.

Sem grandes surpresas

Em relação ao Itaúo BTG não surpreendentes resultados surpreendentes, mas acha que os números podem um pouco acima do modelo projetado analistas, de lucro líquido de R$ 7,4 bilhões (+0,4% t/te +13% a/a).

A origem do crédito deve continuar surpreendendo o BTG, enquanto o mercado imobiliário e financeiro com cartão de crédito deve continuar a avaliar.

(Os analistas esperam que o Itaú bom controle de custos, estejam relacionados com o opex operacional).

“No geral, ainda se espera que os resultados venham em linha com o orientação“, completam.

Para o Bradesco, o BTG estima lucro líquido de R$ 6,9 bilhões (+1% t/te +9% a/a).

As provisões para espécies financeiras podem atingir uma metade superior da faixa estipulada no orientação para 2022, enquanto operações de seguros, previdência e capitalização, que agora registram uma boa performance, devem ficar próximas do topo das estimativas.

O Bradesco acelerou o crescimento de crédito nos primeiros meses do ano. Agora, a espera é de uma leve desaceleração no segundo trimestre.

“Com os resultados de crédito no segundo trimestre de 2021, o segundo trimestre de 2022 enfrentará comparações difíceis, levando a uma queda no ano a ano”, comenta o BTG.

Mesmo com um ritmo bom de origem, o crescimento de crédito deve ficar perto do meio da faixa do orientaçãoafirma.

Ações projetadas

Com uma correção recente nos mercados, o BTGItaú e Bradesco sendo negociado a patamares atrativos, com o primeiro abaixo de 8 vezes P/L (preço sobre lucro) para 2022 próximo segundo de 7 vezes.

O BTG Os bancos brasileiros são criados com padrões semelhantes aos atuais, de destaque imposto e juros altose estabelece a de compra para dois os nomes reforçados.

Porém, a preferência no setor recai sobre Itaú e Banco do Brasil (BBAS3).

Receba como principais notícias de Comprar ou Vender!

Cadastre-se gratuitamente na newsletter de Comprar ou Vender e receba todos os dias (de segunda a sexta-feira), uma seleção com as principais notícias e apontamentos sobre as carteiras de bancos e corretoras, além de um produto exclusivo: a Carteira Money Times, o maior consenso do mercado. Clique aqui para se cadastrar!

Isenção de responsabilidade

O Tempos de dinheiro publica informativas, de caráter jornalístico. Essa não constitui uma constituição de investimento.