Irregularidade na Federação Paraense inviabilizou o jogo da Seleção

0
3

A CBF impugnou o Estádio Mangueirão, no Pará, para a realização do jogo entre Brasil e Argentina, dia 22 de setembro. O presidente Ednaldo Rodrigues mandou um ofício ao governador Helder Barbalho, comunicando a decisão da entidade.

A partida, que é válida pela 6ª rodada das Eliminatórias da América do Sul para a Copa do Mundo, será disputada em São Paulo, na Arena Corinthians. A informação foi confirmada pela CBF nesta terça-feira (21/6). Recorde-se que essa partida foi interrompida pela Anvisa, em setembro do ano passado.

Sem um presidente eleito e com vários problemas na Federação Paraense de Futebol (FPF) foi o principal entrada pela não realização desse jogo, válido pelas Eliminatórias da Copa do Mundo do Catar.

Desde março, o governador paraense Helder Barbalho e a cúpula da CBF negociaram a realização do jogo que marcaria a reinauguração do novo Estádio Estadual Jornalista Edgar Proença. Uma estrutura conta com investimentos de R$ 146 milhões de recursos próprios do Estado.

A vistoria que seria realizada pela CBF no Estádio Mangueirão, na semana passada, foi cancelado. A CBF comunicou a Federação Paraense de Futebol (FPF) não se encontra regular, por não cumprir nos estipulados pelos Estatutos preenchimento dos cargos diretivos da FPF, a situação inviabilizada e conforme prazos estipulados.

Para acompanhar as atualizações da coluna, siga o “Futebol Etc” no Twitter; e também não Instagram.

Quer ficar por dentro de tudo que rola no mundo dos esportes e as notícias direto no seu Telegram? Entre não canal das metrópoles.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here