Com feriado prolongado e chegada do mês de julho, as movimentações para descansar já começaram. E, além de nós, humanos, os pets também querem descanso! Afinal, abanar o rabo e correr atrás dos brinquedos o ano todo são tarefas bastante cansativas, viu? Então, se você pensou levar seu amigão na viagem é hora de estar atento a alguns fatores para que tudo saia bem.

Olha só essas dicas:

De olho na alimentação

Sabe quando estamos prestes a viajar e evitamos alguns alimentos para ter certeza de que eles nos farão mal? O mesmo vale para os animais. Para evitar possíveis prazeres e vômitos, opte por não alimentar ou a partir de quatro horas antes do embarque e, inclusive, durante o percurso. Mas lembre-se de alimentá-lo logo quando chegar ao local, ok? Vale já deixar em mãos alguns petiscos!

Xixi e cocô não tiram férias

Sim, como necessidades fisiológicas podem aparecer a qualquer hora. Já que não pode ser previsão, o ideal é ficar de olho no seu amigo e fazer algumas paradas, se possível, para ele poder fazer. Ou, então, considere levar os tapetes higiênicos para emergências.

Leia a matéria completa sem portal Alto Astralparceiro do Metrópoles.