Com uma taxa Selic em 12,75%, este pode ser o momento ideal para investir em renda fixa. Conheça as melhores opções de investimento!

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

No dia 15 de junho, o Comitê de Política Monetária do Banco Central (Copom) decidiu aumentar a taxa Selic de 12,75% para 13,25%. Com isto, os básicos da economia impactos não crédito e no PIB (Produto Interno Bruto). Porém, como aplicação em fixar se tornam uma opção viável para quem deseja investir, investir!

Títulos de renda fixa

A alta da taxa básica de juros afeta os títulos Selic ou ao CDI (Certificado de Depósito Interbancário), assim como a taxa básica de rendimento mais identificada.

Entre estes títulos, está o Tesouro Selic. O rendimento dele funciona da seguinte forma: é indexado à Selic e somado a um percentual, definido na hora do investimento. Atualmente, existe uma opção de rentabilidade dele com vencimento em 2025, cujo rendimento é a Selic + 0,1810%.

Existem também CDBs (Certificado de Depósito Bancário), LCIs (Letras de Crédito Imobiliário) e LCAs (Letras de Crédito do Agronegócio). Os títulos de renda fixados são atrelados ao CDI (Certificado de Depósito Interbancário) quando identificados como pós-fixados. Esses títulos possuem um rendimento fixo, pois não estão de acordo com uma taxa básica de juros.

Fundos de renda fixa

Os fundos de renda fixa juntam diversos títulos em uma aplicação única. Quatro tipos deles, citados a seguir.

  • Curto Prazo: O nome deste fundo está relacionado ao seu tempo de vencimento. O prazo dele é de 375 dias.
  • Referenciados: Estes fundos possuem o seu rendimento atrelado a um índice de referência, como a Selic ou IPCA (Índice Nacional de Preços ao Consumidor Amplo).
  • Simples: Os fundos simples devem ter no mínimo 95% do seu patrimônio público atrelados a títulos.
  • Dí Externa: Já estes mantêm 80% de seu patrimônio líquido reconhecido em título de dívida externa de responsabilidade da União.

ETFs

Os ETFs (Exchange Traded Funds) podem ser uma outra alternativa de fixação de renda a alta da Selic em seus investimentos. São fundos de gestão que passivam os índices financeiros na Bolsa de Valores, como os da Anbima (Associação Brasileira das Entidades dos Mercados e de Capitais), para diversificar o portfólio entre títulos públicos e privados.

Qual é o melhor investimento?

A melhor opção dos investimentos permite o perfil de cada pessoa citado, o valor que ela tem disponível e seu objetivo, assim como o tempo que pode ativar o dinheiro rendendo.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal do YouTube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Contração muscular e Instagram. Assim, você acompanhará tudo sobre Bancos digital, cartões de crédito, Financeiro, fintechs e relacionado ao mundo das finanças.

Imagem: ITTIGallery / shutterstock.com