veja quantas parcelas você tem direito

0
26

Quantas parcelas você pode receber do seguro-desemprego? Confira as regras, confira quem tem direito a 3, 4 ou 5 pagamentos

Tempo estimado de leitura: 3 minutos

O seguro desemprego é um direito de todo trabalhador após ser demitido sem justa causa, sendo previsto de três a cinco parcelas, dependendo do período de tempo de trabalho. Assim, após a demissão, os trabalhadores têm 120 dias para solicitar o benefício. Contudo, muita gente fica na dúvida em relação ao número de parcelas e também aos valores a que têm direito. Portanto, para ter todos esses questionamentos respondidos, confira o texto a seguir!

Veja como funciona o pagamento de parcelas do seguro-desemprego

Dessa forma, conforme explicamos acima, os trabalhadores com carteira assinada, e demitidos sem justa causa, têm direito de 3 a 5 parcelas. Mas, como o governo determina quantas parcelas você recebe? Como também já respondemos, pelo tempo trabalhado. Porém, vamos explicar melhor como o governo decidir isso.

Trabalhador tem direito a 3 parcelas do seguro-desemprego se controlar no mínimo 6 meses trabalhados. Já se ele terá, no mínimo 12 meses, direito a 4 parcelas. E, por fim recebe 5 parcelas quem tempo meses no mesmo local por um a partir de 24. Então, se você trabalha na empresa por um ano e meio, recebe 4. Se trabalhou por dois anos, recebe 5.

Por fim, quem solicitar o seguro-desemprego pela primeira vez terá que ter trabalhado pelo menos 12 meses com carteira assinada nos últimos 18 meses imediatamente anteriores aos dados da missão. Já para já fez a solicitação do seguro desemprego, e vai fazer agora pela segunda vez, deve ter trabalhado no mínimo 9 meses.

Na terceira e nas demais vezes, o mínimo necessário é de 6 meses de trabalho. Atenção: o prazo entre um pedido e outro, o prazo deve ser de, pelo menos, 16 meses.

Atualmente, o valor do seguro-desemprego varia de R$ 1.212 a R$ 2.106,08. O benefício máximo é pago aos trabalhadores com salário médio acima de R$ 3.097,26.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então não siga não canal do youtube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Contração muscular e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre Bancos digital, cartões de crédito, Financeiro, fintechs e relacionado ao mundo das finanças.

Imagem: Brenda Rocha – Blossom / Shutterstock.com

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here