UMA OIem decorrência da venda de sua unidade de fibra pela ótima para o BTG Pactual e a Globenet, a nova OI, como vem sendo chamada de negócios, começou investimentos em novas tecnologias relacionadas à rede. Na terça, 14, a empresa lançou o Fibra para o quarto (FTTR), criada pela Huawei e denominada Oi Fibra X, que tem capacidade de oferecer uma fibra ótica a todos os cômodos de uma residência.

O diretor de consumidor e empresarial da Oi, Roberto Guenzburguer, disse que esta novidade vai oferecer a mesma qualidade de internet em todos os cantos da casa sem precisar de adaptadores. Ele ainda disse que esta tecnologia não precisa de obras e nem interfere na decoração da residência com cabos que ficam a vista.

“A instalação do FTTR resolve os problemas de fechamento da casa do cliente. Além da utilização da estrutura de dutos existentes, de uma forma simples e fácil, uma solução utiliza cabo micro-ótico transparente, por fora da parede, completamente, sem interferir na arquitetura ou decoração do ambiente”, disse o diretor de tecnologia e operações da Oi, Ricardo Drumond Andrade, no lançamento da novidade.

Este lançamento é pioneiro no país e a tecnologia FTTR, é inédito nas Américas. Somente a China e os Emirados Árabes contam com essa tecnologia.

“A Huawei se orgulha em fazer parte do lançamento de tecnologia FTTR no Brasil em conjunto com a Oi. A novidade permitirá que mais lares brasileiros tenham uma experiência de uso melhor do wi-fi. Uma parceria simbolizando nosso compromisso com a inovação, desta vez com a primeira oferta de tecnologia FTTR a consumidores em toda a América Latina”, falou o CEO da Huawei Brasil, Sun Baocheng.

A Oi Fibra X é uma espécie de complemento para quem já utiliza a Oi Fibra. Sendo assim, o cliente pode contratar o produto pelo valor de R$ 59,90, por mês, independente do plano que já. Com esta adição a conta fica assim: o plano de internet da Oi acrescido do valor dai Fibra X, para possuir de mesma qualidade em todos os cômodos da casa.

Paulo Amorim

Paulo Henrique Oliveira é formado em Jornalismo pela Universidade Mogi das Cruzes e em Rádio e TV pela Universidade Bandeirante de São Paulo. Atua como redator do portal FDRonde já cumula vasta experiência e pesquisas, buscando economia, finanças e investimentos.