inflação icms
IFI aumentar a estimativa de ajuste e prever risco fiscal: Marcel Casalo Jr/ Agência Brasil

UMA Instituição Fiscal Independente do Senado (IFI) revisou a sua previsão para o Índice de Preços ao Consumidor Amplo (IPCA) de 202 de 7,9%, conforme nesta quinta-feira).

Em relatório que analisa os principais indicadores indicadores e fiscais brasileiros, a IFI também possíveis alterações da redução do ICMS sobre comerciável no Brasil, questionado viabilidade nas contas públicas para abarcar os estímulos concebidos ao longo de 2022.

Dados de inflação: “o diabo mora nos detalhes”

A IFI pondera que dados recentes de um possível arrefecimento da imposto não deve ser encarado com otimismo exacerbado.

Por mais que o IPCA desacelerado em maio, com alta de 0,47% após 1,06% em abril, o índice de difusão segue elevada, a 72,4%, com média dos núcleos acelerando de 9,69% em abril para 10,11% em maio.

A conclusão é a de que, sem a influência de itens de maior volatilidade, o índice de inflação não arrefeceu.

A instituição também aponta que os preços das commodities, que mantêm sua trajetória de alta, e a resiliência da atividade econômica ao longo do primeiro semestre, ajudam a compor o inflacionário.

O que deve aliviar a pressão inflacionária em 2022, em até 2,8% são as propostas recentes de redução de impostos.

Segundo a IFI, o estabelecimento de um limite para as alíquotas do ICMS sobre combustíveis, energia elétrica, de comunicações e transporte coletivo – não contido Projeto Complementar nº 18, de 2022 (PLP 18) – produzir um impacto de até -1,8 pp no ​​IPCA de 2022 caso repasse integral para o consumidor final.

“Adicional a redução para zero de impostos obrigatórios (Cide e PIS/Caixões) sobre gasolina e etanol e das alíquotas do ICMS sobre diesel e BPLcom aumentar, até chegar o final do ano, 1,0 adicionar adicional da ampliação2022″.

Entretanto, em 2023, oa taxa de inflação deve ter um aumento de 1% graças às medidas, graças à recomposição das alíquotas da Cide e do PIS/Cofins em 2023.

“Portanto, esse conjunto de iniciativas (efeitopp estimado em -2,8 pp sobre 2022 e +1,0 2023) produz uma tendência de baixa para o IPCA de 2022 e de alta para 2023”, disse.

ICMS: redução preocupação

A IFI também pontuou a redução do ICMS sobre aumentar o risco fiscal no Brasil.

Mais cedo, um Câmara dos Deputados concluiu a votação do projeto de lei que limita o imposto sobre combustíveis, gás natural, energia elétrica, comunicações e transporte coletivo. O texto segue para sanção presidencial.

Segundo a instituição, dúvidas sobre a capacidade da economia brasileira conseguirem o pacote de medidas propostas pelo governo para baixa o preço nas bombas.

“O desempenho da arrecadação continua a seduzir, mas a IFI tem recorrentemente alertado para a influência de fatores conjunturais que cedo ou tarde cessarão seus efeitos”, diz.

Inscreva-se no canal do Money Times no YouTube!

Tenha acesso aos vídeos exclusivos do Money Times! Assista a entrevistas, explicações do Money Times e todo o nosso canal do YouTube. São playlists completas sobre os diversos temas do Brasil e do mundo. Você se informa, aprende e ainda pode compartilhar com seus contatos. Clique aqui e se cadastre!