Abacate emagrece e aumenta produção hormonal. Confira 14 benefícios

0
15


Abacate emagrece ou engorda? Essa dúvida é comum entre as pessoas que são fãs do sabor da fruta. Por ser um alimento natural, muitos acreditam que o abacate ajuda a emagrecer. Por outro lado, os altos níveis de gordura podem criar a ideia de que, na verdade, ela engorda.

E os dois estão corretos. Tudo depende da quantidade que se ingere da fruta. As gorduras presentes no abacate são monoinsaturadas e fazem bem para a saúde. Porém, se consumidos em grandes quantidades vão aumentar significativamente o consumo de calorias e provocar ganho de peso. Mas, em quantidades adequadas e calculadas, é verdade que o abacate emagrece. Ele aumenta a saciedade e ainda pode prevenir algumas doenças.

Sem falar que a fruta também é importante para a produção hormonal e, consequentemente, para o ganho de massa muscular. Por isso, com a ajuda de profissionais da nutrição, separamos 14 benefícios do abacate. Confira:

1. Protege contra danos ao DNA

A nutricionista Adriana Stavro, do Centro Universitário São Camilo, conta que um estudo sobre a exposição à radiação cósmica revelou que a ingestão de alguns nutrientes protege o organismo contra possíveis danos ao DNA. E a maioria dessas substâncias (vitaminas C e E, betacaroteno, beta criptoxantina, luteína e zeaxantina) estão presentes no abacate.

2. Diminui risco de hipertensão

Os abacates são ricos em potássio e, de acordo com Stavro, um estudo indicou “que o aumento da ingestão de potássio reduziu a pressão arterial sistólica em 3,49 e a diastólica em 1,96”.

3. Combate o colesterol ruim

Os ácidos graxos monoinsaturados, presentes eu abundância no abacate, são excelentes nutrientes para o tratamento do colesterol alto. A fruta também é rica em esteróis vegetais, que bloqueiam a absorção do colesterol ruim.

4. Alivia os sintomas da osteoartrite (OA)

De acordo com a nutricionista, “a OA é uma doença crônica comum, dolorosa e debilitante, que atinge milhares de indivíduos. Estudos sugerem que o consumo de 300mg de insaponificáveis de abacate (ASU), podem reduzir a OA de quadril e joelho”.

5. Reduz risco de doença cardíaca

As gorduras monoinsaturadas, presentes no abacate, são um importante aliado na prevenção da síndrome metabólica. De acordo com Stavro, uma dieta no estilo mediterrâneo, com a inclusão da fruta, pode diminuir até o risco de derrame.

6. Absorve melhor os antioxidantes

“Um estudo de 2005, que avaliou o consumo de óleo de abacate ou abacate e a absorção de carotenoides, mostrou que o consumo de 150g de abacate ou 24g de óleo de abacate na salada, aumentou a absorção de alfa-caroteno, betacaroteno e luteína”, explica a nutricionista. Os componentes são importantes para favorecer o efeito antioxidante no organismo.

7. Pode prevenir e ajudar a tratar o câncer

Um estudo de 2015 publicado na Cancer Research mostrou que a abacatina B, um composto derivado do abacate, pode ajudar a matar as células de leucemia”, conta Stavro.

Veja a lista completa no SportLife, parceiro do Metrópoles.



Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here