MacBook Air com M2: veja tudo que muda no laptop da Apple | Cadernos

0
23

UMA Maçã revelou o novo MacBook Air equipado com sofridos M2 na última segunda-feira (7). O laptop ganhou um design novo, com direito à tela recortada por um entalhe semelhante ao dos iPhones e MacBooks Pro, além de novos núcleos. É o processador até 18% mais rápido que se destaca a nova geração em comparação ao MacBook Air com M1, que segue disponível para compra no site oficial da marca. O Air com M2 já está à venda por R$ 13.299 no site da Maçãenquanto seu antecessor pode ser encontrado por R$ 10.999.

A seguir, detalhamos o que muda nas especificações técnicas da geração com M1 para a geração com M2 do MacBook Air.

MacBook Air com M2 tem tela com notch e jeito de MacBook Pro — Foto: Divulgação/Apple

As mudanças no design são perceptíveis com a nova geração do Air. A primeira delas fica bem evidente olhando o notebook do lado: o laptop perdeu o perfil de cunha, com a frente mais fina do que a traseira. Agora, ele apresenta linhas que preservam a mesma espessura ao longo de toda a base do computador, seguindo o design dos modelos Pro.

Além dessa mudança no perfil, o MacBook Air com processador M2 passa a oferecer uma gama maior de opções de núcleos de acabamento. Além do prata e do espacial, já disponível na geração que vai saindo de cena, chegam como edições em dourado e preto. Nas interfaces, o dispositivo oferece o MagSafe para ligar o conector de energia e duas portas USB-C com Thunderbolt 4, além de saída para fones de ouvido.

Sem notch, tela do MacBook Air com M1 é um pouco menor — Foto: Divulgação/Apple

OS exibe da Maçã para seus laptops são sempre de alta qualidade, eo Air não foge da regra. Apesar disso, a tela de tecnologia IPS do portátil não deve repetir a mesma qualidade de imagem dos painéis elogiados mini LED que equipam os atuais MacBooks Pro.

Na comparação com o modelo Air que substitui, o novo MacBook com M2 apresenta uma tela maior, saltando de 13,3″ para 13,6″. A diferença tem relação com a necessidade de abrigar o entalhe na barra superior sem obstruir a área da tela em aspecto 16:10, abaixo da barra superior.

Na contagem de pixels, não muda muita coisa: se o Air com M1 tinha 2560 x 1600 pixels, a versão com processador de nova geração vem com 2560 x 1664 pixels. Os 64 pixels a mais no eixo vertical correspondem à inclusão da barra superior que o notch.

Embora se trate de um painel IPS, um Maçã o designa como “Liquid Retina” e promete uma intensidade máxima de brilho em 500 nits, diante do teto de 400 nits que era possível alcançar no antigo Air.

M2 garante até 18% mais desempenho ao Air com M2 na comparação com o modelo antigo — Foto: Divulgação/Apple

O grande diferencial no hardware entre uma e outra edição do MacBook Air fica por conta do processador. O novo portátil da Maçã o M2, processador de estreia da segunda geração da maçã e que pode oferecer ganhos de até 18% em desempenho, nas estimativas de Maçã. O novo chip tem 20 bilhões de transistores, contra 16 bilhões do M1.

Essa margem de desempenho é a partir de ganhos de rendimento da nova arquitetura da Maçã, evoluindo o processo de manufatura de 5 nm já usado nos M1. Por conta disso, o M2 é mais rápido e econômico, mesmo que tenha os mesmos oito núcleos do antecessor.

O processador gráfico da Maçã, que é parte do M2, também ganhou reforços com a inclusão de dois núcleos adicionais frente ao octeto instalado no M1. Nas estimativas da Maçãos ganhos de eficiência da arquitetura revisada e adição de novos núcleos permitem que a GPU do M2 tenha um rendimento (performance por Watts) 35% superior, na comparação com o anterior.

GPU do MacBook Air com M2 tem rendimento 35% melhor do que a versão anterior do laptop — Foto: Divulgação/Apple

Há também novidade na memória RAM. O novo M2 vem acompanhado de 8 a 24 GB de memória RAM tipo DDR5, em vez dos 8 a 16 GB de DDR4 do M1. Como DDR5 garante ao processador capacidade de trocar até 100 GB/s de dados com RAM.

Assim como outros dados Maçã, o M2 vem com núcleos dedicados à inteligência artificial. Na maçã da maçã, o chamado Neural Engine tem velocidade 40% superior na avaliação da execução das tarefas de IA.

MacBook Air com M2 oferece MagSafe para recarga — Foto: Divulgação/Apple

A bateria é um quesito no qual não houve melhorias, ao menos de acordo com a Maçã. O novo Air com M2 oferece até 18 horas de autonomia com uma carga completa, mesmo com intervalo previsto para a versão com M1 do laptop.

UMA Maçã já confirmou o lançamento do portátil no mercado por brasileiro R$ 13.299. O valor é aplicável diante de opções do mundo janelascomo o Dell XPS 13. O modelo da Dell ,se por um lado pode ficar um pouco atrás em performance, ao menos disputa espaço entre os portáteis de tela pequena e acabamento premium.

O Air com M1 segue disponível no território nacional. A versão com M1 é agora mais barata e pode ser adquirida por preços que saem de R$ 10.999 no site oficial da maçã.

MacBook Air M2 vs. MacBook Air M1

Especificações MacBook Air M2 MacBook Air M1
Lançamento Junho de 2022 Novembro de 2020
Tela 13,6 polegadas 13,3 polegadas
Resolução de tela 2560 x 1664 pixels 2560 x 1600 pixels
Processador Apple M2 com oito núcleos Apple M1 com oito núcleos
Memória RAM 8 a 24 GB DDR5 8 ou 16 GB DDR4
tratamento 256 GB a 2 TB 256 GB a 2 TB
Placa de vídeo Dez núcleos, integrados ao M2 Oito núcleos, integrado ao M1
Portas e interfaces Duas USB-C com Thunderbolt 4, MagSafe, saída de fones de ouvido, Wi-Fi 6 e Bluetooth 5.0 Duas USB-C com Thunderbolt 4, MagSafe, saída de fones de ouvido, Wi-Fi 6 e Bluetooth 5.0
Bateria Até 18 horas Até 18 horas
Peso 1,24kg 1,29kg
Núcleos Cinza espacial, prata, azul escuro e preto Cinza espacial ou prata

Com informações de Maçã e CNET

No vídeo abaixo, veja novidades e todos os detalhes sobre o novo iOS 16

NOVO iOS 16 - Novidades, iPhones Compatíveis e Todos os Detalhes!

NOVO iOS 16 – Novidades, iPhones Compatíveis e Todos os Detalhes!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here