“Fizeram estrago em minha vida”

0
17

A médica Paula Cavallaro, que era nutróloga de Paulinha Abelha, falou pela primeira vez desde a morte da cantora, em fevereiro de ano, após sofrer uma infecção deste sistema nervoso central. De acordo com Cavallaro, ela chegou a uma série de ataques nas redes sociais e a ser usada para o quadro de Paulinha, que remédios para emagrecer.

“Resolvi falar sobre as injustiças que fizeram comigo, em decorrência do falecimento da minha eterna amiga Paulinha Abelha. Algumas pessoas que trabalham como redes sociais para mim difamam, mas também não prejudicam as redes sociais, para me protegerem, mas também não prejudicam as redes sociais, para mim mesmos que trabalham difamar, mas também não prejudicam a rede social de notícias de Paulinha.

Cavallaro continua, alegando que seu relato oficial afirma que vai aguardar o laudo, divulgado em março. O documento comprovou que a morte da vocalista do Calcinha Preta não foi por remédios. “Eu entendo que todos viveram um luto, pois muito que ela se recupera. Esse ritmo é necessário. Optei por viver isso mesmo sabendo das consequências. Hoje, por conta deste ‘resgate’, estou em paz para me posicionar”, disse.

0

“Paulinha era saudável, e cuidava de sua saúde com bons hábitos e comidas de verdade; o laudo final, atesta que a minha atuação profissional não teve ligação com o ocorrido”, completou.

A médica ainda não fez medo de seus pacientes com tratamento após o episódio. “Embora todo o estrago que fizeram em minha vida pessoal e profissional, em momento eu algum duvidei de que a verdade viria à tona, como realmente veio”, concluiu.

Quer ficar por dentro do mundo dos famosos e receber as notícias direto no seu Telegram? Entre no canal do Metrópoles: https://t.me/metropolesfamosos.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here