Executivo da ByteDance, dona do TikTok, é afastado’ após declarar que ‘não acredita em licença-maternidade

0
20

Um executivo sênior da ByteDance, um empresa chinesa que controla o TiTok, acaba por ser afastado de uma função de liderança no Reino Unido. Joshua Ma foi substituído após afirmar que “não acredita” em licença-maternidade.

O comentário ocorreu durante de um jantar com membros da equipe comércio eletrônico do TiTok, segundo uma reportagem divulgada pelo Financial Times nesta quarta-feira (8).

publicidade

Em resposta a denúncia, a ByteDance confirmou aos funcionários em busca de respostas: “Como vocês devem saber, o Financial Times publicou uma reportagem com declarações deanimadoras sobre as nossas operações no Reino Unido”, o e-mail enviado .

“Esperamos que essa experiência dolorosa nos torne uma equipe mais forte”, diz o corpo da mensagem, que foi enviada sob o título “Mantendo uma cultura de trabalho positiva”.

Logo da ByteDance e TikTok
O comentário do executivo da ByteDance ocorreu durante um jantar com os membros da equipe de comércio eletrônico do TikTok. Imagem: Shutterstock

Quem substituirá Joshua Ma?

O sucessor temporário de Ma será Patrick Nommensen, que liderou o lançamento da divisão de comércio eletrônico do TikTok no Reino Unido. “Ele conhece muito bem o negócio e será uma forte liderança interina”, afirmou a ByteDance. Nommensen trabalha na companhia chinesa desde 2016, ano em que o TikTok foi lançado.

Leia mais:

Cultura de trabalho agressiva

Um trabalho, baseado não em funcionários e ex-funcionários, revelou que o lançamento de compras online também resultou em um trabalho de colaboradores do TikTok em Londres, Inglaterra, devido à cultura de metas e expectativas irreais. Muitos disseram que tinham que trabalhar mais de 12 horas por dia, o FT.

“O bem-estar da nossa equipe é nossa principal prioridade”, reforçou o TikTok na mensagem enviada aos colaboradores. A rede social também declara, sem mais detalhes, que está investindo para oferecer uma experiência mais positiva aos funcionários.

No fim, o e-mail recomenda novas violações de código de conduta sejam denunciadas por um canal de atendimento anônimo.

Fonte: Tempos financeiros

Já assistu aos novos vídeos no Youtube do Olhar Digital? inscreva-se no canal!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here