Após pressão externa, XP cancela divulgação de pesquisa Ipespe

0
24

UMA XP Investimentos cancelou a divulgação da pesquisa do Instituto Ipespe da primeira semana de junho sobre intenção de voto para as compras de outubro após forte reação de bolsonaristas. A informação é da coluna de Mônica Bergamo, na Folha de S.Paulo.

A pesquisa vinha sendo divulgada semanalmente e, na última rodada, mostrou que no primeiro turno das eleições Lula tem 45% dos votos, contra 34% de Jair Bolsonaro estimulado.

A pesquisa divulgada nesta sexta-feira (6/10) foi registrada no Tribunal Superior Eleitoral (TSE) no sábado (6/4), sob o número BR-06295/2022. Nesta quarta (8/6), no entanto, ela foi retirada do site por determinação da própria XP.

Segundo o colunista, o XP estava fazendo pressão em função da crescente vantagem que o ex-presidente Luiz Inácio Lula da Silva, candidato do PT à Presidência da República, ganhou nas pesquisas semanais. 35% do instituto são os últimos a sua opinião de que a opinião é de 35% mesmo sobre Bolsonaro.

0

Desde a divulgação, diversos parlamentares já se manifestaram contra o resultado nas redes sociais. Ministros de Bolsonaro também terão telefonado para a XP para reclamados dos números.

Internamente, de acordo com os diretores e acionistas minoritários considerados ainda de clientes, em especial os ligados ao agronegócio, começaram a fechar e retirar da corretora.

Com o movimento, a XP transferiu o contrato com o Instituto Ipespe para outra empresa do grupo, a Infomoney, que registrou no TSE a pesquisa que seria divulgada nesta semana. Porém, com a continuação dos resultados, a decisão de cancelar por completo a divulgação dos resultados.

De acordo com a reportagem, a XP deve que a pesquisa, que vinha sendo divulgada de forma quinzenal de janeiro de 2020 e passou a ser semanal em maio, será a partir de agora mensal. Aguarda que os ataques diminuam e os clientes acessem o movimento de retirada de recursos de seu portfólio.

Procurada pela colunista, a XP não quis se manifestar.

Receba notícias do Metrópoles no seu Telegram e fique por dentro de tudo! Basta acessar o canal: https://t.me/metropolesurgente.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here