“Top Gun”: referências ao filme são proibidos na escola de voo da vida real; entender

0
14

Estrelado por Tom Cruise, “Top Gun – Ases Indomáveis”, de 1986, é um clássico da cultura pop que, com o recente lançamento de sua sequência, “Top Gun: Maverick”, reacendeu a paixão de muitos tanto pela franquia, quanto pela profissão de aviador. No entanto, ser um aviador da Marinha na vida real não é tão Hollywoodiano Já que no verdadeiro programa de treinamento, também conhecido como Top Gun, os alunos não podem mencionar o filme, serão treinados quanto a multa.

“Top Gun”: referências ao filme são proibidos na escola de voo da vida real; entender. Imagem: Paramount Pictures

A informação é do ex-piloto de caça e instrutor do verdadeiro TOPGUN, Guy “Bus” Snodgrass, que escreveu o livro ‘TOPGUN’s Top 10: Leadership Lessons from the Cockpit’ e revelou diversas curiosidades sobre a Escola de Armas de Caças da Marinha. Entre elas está a instituição que é uma das mais rígidas e exigentes, que requer muito treinamento sério ou treinamento – uma aproximadamente R$ 23 na atual – é aplicada toda vez que algum aluno faz referência ao filme de 1986, seja com frases, como a famosa “eu voarei com você”, ou simulações de manobras.

O valor, que é simbólico, é na verdade uma forma de alertar que o treino da vida real não é um filme, e que ali não pode haver erros, devendo ter respeito e profissionalismo nas aulas, perpetuando ainda mais a fama da escola em formar os melhores fazem mundo.

publicidade

Leia mais!

Mesmo que “Top Gun” seja pela lealdade, confiança e exaltação dos viadores, a escola prefere separar as brincadeiras e menções ao filme do cotidiano. De acordo com a missão da instituição, é “ensinar a tripulação não precisa apenas sobreviver em combates aéreos, mas vencê-los”, escreveu Snodgras em sua obra. Em recente entrevista ao Internoo ex-piloto também destacou os perigos que é estar nos céus – tendo ou riscos aparentes aparentes – se declara mais um fã do filme, que consultou aviadores a fagulha nos corações de muitos que , hoje, são profissionais formadores.

“Quando você voa pelos céus sozinho e sem medo, as coisas podem acontecer – e acontecer”, alertou . “[mas] adorei as cenas de voo. Foi emocionante. Eu me sinto dizendo, ‘Cara, se eu pudesse fazer isso, seria um sonho tornado realidade’. [na verdade] Acho que em algum momento fomos todos multados”, brincou o aviador.

“Top Gun: Maverick”, que tem Tom Cruise reprisando o papel de Pete “Maverick” Mitchell, estreou nos cinemas em 26 de maio e segue em cartaz.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no Youtube? inscreva-se no nosso canal!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here