Eduardo Bolsonaro encontra sheik acusado de tortura

0
10

[ad_1]

Eduardo Bolsonaro festejou nas redes sociais, no domingo (29/5), um encontro com o príncipe do Bahrein, Sheik Nasser Bin Hamad, comandante da Guarda Real daquele país.

Na foto, o deputado aparece ao lado de Hamad, fardado, simulando golpes de jiu-jitsu.

“Amigo que é amigo chega dando banda ou mata-leão”, escreveu Eduardo.

Hamad é acusado de torturar prisioneiros durante uma revolta pró-democracia em 2011.

O Bahrein é um país onde não existem partidos políticos, controlado politicamente pela família al-Khalifa, sem eleições para nenhum cargo executivo. No ranking sobre democracia da Freedom House, é considerado menos livre do que as ditaduras da Venezuela e de Cuba.

Já leu todas as notas e reportagens da coluna hoje? Clique aqui.

Siga a coluna no Twitter e no Instagram para não perder nada.



[ad_2]

Source link

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here