A vacina da variola protegida contra uma variante dos macacos?

0
15

Crédito: Departamento de Arquivo e Documentação – Casa de Oswaldo Cruz/Fiocruz

Imagem da campanha pela erradicação da varíola, que se encerrou na década de 1970 (Crédito: Departamento de Arquivo e Documentação Casawaldo Cruz /Fiocruz)

O Ministério da Saúde nesta segunda-feira (30) que monitora dois casos da varíola dos macacos no Brasil. Com o risco da doença chegar ao País, fica a dúvida se todos que tomarem a vacina contra a varíola estão protegidos contra essa nova versão da doença.

Conforme utilizado no programa de erradicação da organização da organização de proteção de até 85% contra a varíola dos macacos. O Ministério da Saúde afirmou que a erradicada em regularidade no mundo há décadas não é o país.

+FGTS: Saque Extraordinário de R$ 1.000 acaba em junho; veja calendário

“As pessoas contra varíola vacinas têm que proteger contra o Monkeypox, o que não sabe se isso dura até hoje porque são mais de 40 anos”, afirmou a diretora do Laboratório de Virologia do Butantan, Viviane, em nota.

Apesar de os estudos não serem conclusivos, o fato do país já ter desenvolvido uma vacina contra uma varíola humana pode ser apressado ou desenvolvido de um novo imunizante, caso seja necessário.

A Fiocruz já é um reforço que tem capacidade de fazer em caráter emergencial. Em nota, uma instituição chegou a dizer que é importante voltar a fabricar a vacina em 2001, mas que o entendimento com o governo foi de que a erradicação da doença a tornava dispensável.



LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here