Satélites no sistema de vigilância ambiental

0
14

O Governo Federal satélites para reforço do sistema de vigilância ambiental (MCTI), de acordo com informações da Ciência, Tecnologia e Inovações, conforme destaca a Casa Civil

Satélites no sistema de vigilância ambiental

O Carcará 1 e o Carcará 2 são parte do Projeto Lessônia e será na vigilância de desmatamentos, queimadas e tráfico de drogas, informa o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI).

Foguete Falcon 9 – empresa SpaceX

Segundo as informações oficiais do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), os satélites foram lançados por um foguete Falcon 9, da empresa SpaceX, direto do Centro Espacial Kennedy, em Cabo Canaveral, na Flórida (EUA).

Conforme recente divulgação oficial realizada pela Casa Civil no último dia 26, dois novos satélites brasileiros foram lançados da base espacial de Cabo Canaveral, no estado da Flórida, Estados Unidos, no dia 25 de maio de 2022.

Carcará 1 e Carcará 2: vigilância de desmatamentos, queimadas e tráfico de drogas

Como informações do Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), destacam-se que o lançamento do Carcará 1 e Carcará 2 foi realizado por um foguete Falcon 9 da empresa SpaceX e será utilizado para diversas barbatanas, entre eles, vigilância de florestas, queimadas e queimadas e tráfico de drogas.

Os equipamentos pertencem ao governo brasileiro e foram adquiridos junto ao governo da Finlândia em 2020 por R$ 175 milhões, informa o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI).

Centro de Operações Espaciais (COPE)

O lançamento de informações foi realizado pelo Ministério de Operações Espaciais em todas as autoridades locais (COPE), unidade subordinada ao de Operações Aeroespaciais (Comae), e contorno com as diversas autoridades, de acordo com do Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI).

Benefícios para a região amazônica

De acordo com o Ministério da Defesa, a região amazônica será uma das mais beneficiadas, visto o monitoramento permanente e a maior precisão das informações essenciais para decisões estratégicas.

Ampliação do sistema de vigilância socioambiental

De acordo com o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), o objetivo do envio dos satélites de vigilância brasileiros, amplos o sistema ilegal, dentro de outras substâncias ilegais.

A tecnologia nas imagens e alta resolução para permitir a elaboração de novos projetos

A tecnologia dos satélites, chamada de “imagens de radar”, permite que sejam feitas imagens de alta resolução em qualquer hora do dia ou da noite e sob condição meteorológica, destacando o Ministério da Ciência, Tecnologia e Inovações (MCTI), conforme divulgação reproduzida pela Casa Civil.

Veja o que é sucesso na Internet:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here