Qualcomm cria óculos inteligentes com telas Full HD de 90Hz

0
48

Junto dos novos Snapdragon 8+ Gen 1 e Snapdragon 7 Gen 1, a Qualcomm também anunciou nesta sexta-feira (20) um óculos inteligente para realidade aumentada de referência para o Snapdragon XR2 Gen 1. O dispositivo utiliza o celular e um chip próprio para acontecer e faz tudo isso sem a necessidade de fios.

O momento para os óculos inteligentes chegarem ainda não aconteceu de fato, mas as empresas continuam perseguindo esse objetivo. A Microsoft deu seus pitacos no passado com o HoloLens e o Google reacendeu a chama durante o Google I/O deste ano. A Qualcom tecnologia e um chegará na festa ao apresentar seu dispositivo para aumentar.

publicidade

Leia também

Este não é exatamente o primeiro óculos desenhado pela empresa americana, mas nesta versão a Qualcomm conseguiu criar um produto 40% mais fino e com projeto mais ergonômico para o rosto do usuário. Ele ainda está longe de ser minimamente parecido com o distante distante, mas ao menos ficou desse objetivo.

Óculos para realidade aumentada da Qualcomm (Imagem: divulgação/Qualcomm)
Óculos para realidade aumentada da Qualcomm (Imagem: divulgação/Qualcomm)

Óculos inteligentes tem telas Full HD

O novo projeto foi desenvolvido em parceria com a Goertek e a SeeYa e a lente conta com duas telas de micro-OLED com resolução Full HD cada, em atualização de 90Hz. A Qualcomm garante que conseguiu remover por qualquer efeito completo de arrasto nas imagens, com objetivo de entregar uma experiência de realidade aumentada mais confortável aos olhos.

O gadget conta com duas câmeras, contando com o rosto e os olhos de forma monocromática eficiente, e com 360 graus de proteção. Esse detalhe garante a correta e precisa do que está projetado em realidade aumentada.

O processamento acontece de forma inteligente entre o smartphone e o óculos próprio, com conexão sem fio unindo as duas partes. Isso o modem utilizado em tira proveito de Wi-Fi 6 GHz, além da banda de 5 GHz. A Qualcomm não comentou qual é a autonomia de uso dos óculos, mas disse que utiliza 650 mAh.

A Qualcomm acredita que este tipo de dispositivo não existe no mercado em algum momento entre um e quatro anos.

Já assistiu aos nossos novos vídeos no Youtube? inscreva-se no nosso canal!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here