A Snap, empresa dona do instant messenger multimedia Snapchat — a do fantasminha branco sobre um fundo amarelo — acaba de lançar seu segundo produto de hardware. E é uma câmera que voa! O drone chama-se Pixy e foi feito para tirar selfies com mais liberdade e criatividade.

É leve, pequeno e cabe em uma mochila, além de ser ajustável, pois pode enviar vídeos para a plataforma on-line.

A ideia é que o drone seja mais fácil de pilotar que os demais no mercado, algo para toda a família. O mais incrível é que não tem controle separado — você programa no próprio drone um de seus percursos básicos e ele decola e pousa de novo em sua mão. A Snap é uma das poucas companhias de produtos digitais que também cria os físicos, como os óculos Spectacles.

(Nota publicada na edição 1274 da Revista Dinheiro)