A pauta provável do encontro entre Elon Musk e Bolsonaro | Telefonia

0
29

O bilionário Elon Musk está a caminho do Brasil, onde deve se encontrar em São Paulo com o presidente Jair Bolsonaro nesta sexta-feira (20). A informação sobre a sua vinda foi confirmada pelo ministro das Comunicações, Fábio Faria. Apesar da provável participação novo dono Faz Twitter Ainda não consta da agenda oficial, já se sabe que Musk trata da conectividade e da proteção da Amazônia. Este colunista apurou que pelo menos um projeto do governo deve estar na pauta do encontro.

O Norte Conectado prevê a instalação de fibra ótica nos leitos dos rios de estados na região amazônica. O projeto é considerado essencial para levar a conectividade a uma região que ainda sofre um apagão de dados enquanto outras partes do planeta passam por uma transformação digital profunda. 12 milhas de cabos, com a probabilidade de impactar 10 milhões de pessoas.

Antena para acesso à internet — Foto: Divulgação/Ministério das Comunicações

De que forma Musk poderia contribuir? Por meio da Starlink, empresa com a proposta de levar banda larga via satélite para regiões de difícil acesso. Os usuários contam com uma antena que fica do lado de fora – normalmente no telhado – e que se comunicam com os satélites não geoestacionários para a transmissão de dados. Seria uma maneira de chegar às áreas onde a instalação da fibra ótica é impraticável hoje em dia.

Em outras palavras, a tecnologia da empresa de Musk poderia complementar o que está previsto hoje no Norte Conectado. De acordo com o Ministério das Comunicações, a iniciativa deve chegar a 58 cidades do Acre, Amapá, Amazonas, Rondônia e Roraima.

Lançamento de foguete para serviço da Starlink — Foto: Reprodução/SpaceX

A Agência Nacional de Telecomunicações autorizou um operação comercial da Starlink no Brasil em janeiro deste ano. Os documentos registrados no órgão explicam que a empresa 4.408 satélites posicionados na órbita da Terra. A promessa é de download de arquivos à taxa de 100 Megabits por segundo (o famoso Mega) e envio a 20 Mega.

Nada impede que o encontro entre Musk e Bolsonaro leve a outros assuntos, como o futuro do Twitter. Musk se diz um ferrenho defensor da liberdade de expressão. Também já foi um erro banir definitivamente o ex-presidente Donald Trump – decisão após o mandatário insuflar a violência no ataque ao Capitólio.

As falas do homem mais rico do mundo aderência junto aos bolsonaristas têmque criticam as medidas tomadas por redes sociais como Twitter e Facebook para combate à desinformação.

Fábio Faria e Elon Musk reuniram-se em reunião de novembro de 2021 nos EUA — Foto: Divulgação/Ministério das Comunicações

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here