Sindicatos oferecem plano alternativo para a saúde da Samarco, diz fonte

0
30

SÃO PAUL (Reuters) – Dois sindicatos de funcionários da Samar Gerais e Espírito Santo apresentaram um plano de conhecimento alternativo de O conhecimento da dívida da mineradora em segundo uma fonte com do assunto.

O Acionistas da BHP BHP pagam pela dívida e pelo seu plano mais recente apoiados pela Samarco em que tem sido rejeitados e credores do Grupo.

O plano uma garantia de dois anos de estabilidade no emprego para os funcionários. A proposta permite a conversão de parte da ideia de maneira semelhante à proposta da Samarco, mas não prevê mudança de controle.

A fonte, que perguntou animato para revelar informações de controle, afirmou que os funcionários estavam preocupados com a possibilidade de demissão do caso em questão.

Os negociadores financeiros sugeriram uma proposta na qual preveem assumir o controle da sua dívidas por participação acionária.

A empresa também pode pagar o pagamento do volume de produção e da geração de aumento.

Ainda não está disponível a existência de dois planos diferentes de plano para a empresa da Samarco depois da separação do plano claro da Samarco.

Os sigilos protocolaram o plano sob, que deve ser levantado nesta quinta-feira para que conheçam os detalhes da proposta.

O plano é apoiado pelos funcionários e por 935 de credores com um volume total de créditos de 5 milhões de dólares.

Procuradas, Vale e BHP Brasil afirmam o plano de apresentação pelos sindicatos Metabase Mariana (MG) e Sindimetal (ES) e pelos fornecedores Consórcio MRF, Agência FR de Comunicação, Construtora Lage e Gomes e M Lobato Consultoria em Engenharia e Meio Ambiente .

Segundo como acionistas, como entidades envolvidas mais estão entre os votos da Samarco proposto em abril.

A BHP dos recursos financeiros alternativos do fundo, BHP, que funciona como analisador da Barragem de recursos financeiros alternativos em funcionamento.

“Como os acionistas e a empresa com o compromisso da empresa, BHP e Vale o que adotam como medidas sustentáveis ​​para o futuro da Samarco e o compromisso da Fundação Renova”, disseram, em nota.

(Por Tatiana Bautzer, com reportagem adicional de Roberto Samora)



LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here