Bitcoin tem registro de perdas após 7 semanas seguidos de queda

0
43

Imagem: nuttapon averuttaman / Shutterstock.com

O bitcoin bateu um recorde histórico. No último domingo (15), foi a primeira vez que o ativo digital sofreu sete semanas seguidas de queda na sua cotação. Na terça-feira17), uma criptomoeda fechada novamente abaixo de US$30 mil, e não há indícios de que a crise do token vá acabar logo.

Os motivos para a queda do bitcoin, assim como o ethereum e as outras criptomoedas, continuam sendo os mesmos. UMA economia global, que passa por um momento agitado, com juros e produtos aumentando em todos os países, diretamente os tokens. Por conta disso, os investidores buscam opções mais seguras de investimento, o que deixa os ativos digitais de fora.

É que você provavelmente também gosta:

Autor de “Pai Rico, Pai Pobre” diz que é o momento de ficar rico com a queda do Bitcoin

Como comprar bitcoin e ether no app do Nubank?

Qual o fundo do poço para o Bitcoin, de acordo com especialistas?

Bitcoin registra mais uma semana de queda

A crise do bitcoin, que registrou mais uma semana de baixa, teve um novo acontecimento que colabora para a queda. Os analistas batizaram o caso de “efeito Luna”.

De acordo com especialistas, o mercado segue refletindo os efeitos da crise da blockchain Terra (LUNA), que entrou em recolher após a stablecoin TerraUSD (UST) perder paridade com o dólar. Uma criptomoeda, que deveria valer US$ 1, é negociada por menos de US$ 0,10.

No momento, os analistas de mercado estão indecisos sobre o futuro das criptomoedas. Ainda não é certo se o bitcoin atingiu seu valor mais baixo, que seria na faixa dos US$ 30 mil, ou se a criptomoeda pode continuar caindo.

Para Will Clemente, analista da Blockware, o provavelmente já atingiu seu valor mínimo. Já os investigadores do Huobi Research Institute, são mais pessimistas: “O fundo está por vir”, afirmaram para o site Olhar Digital.

um relatório na compra dos investidores é a, segundo a HRI em um divulgado semana passada. Outros especialistas declaram que o bitcoin ainda pode bater US$ 20 mil antes de ganhar força novamente.

De acordo com dados da CoinMarketCap, como espécies no mercado das criptomoedas já somam, no total, US$ 1,2 trilhão.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal não Youtube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Instagram e Contração muscular. Assim, você acompanhará tudo sobre Bancos digital, cartões de crédito, Financeiro, fintechs e relacionado ao mundo das finanças.

Imagem: nuttapon averuttaman / Shutterstock.com

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here