Mutirão de emprego: mais de 6 mil pessoas enfrentam no 1º dia SP

0
33

A busca por uma ocupação levou mais de seis mil pessoas ao Vale do Anhangabaú, no Centro de São Paulo, durante o primeiro dia do Mutirão de Emprego, na segunda-feira (16). A iniciativa do Sindicato dos Comerciários de São Paulo oferece mais de 10 mil vagas de trabalho, em diferentes áreas de atuação e vai até sexta-feira (20).

Há dois anos desempregada, Roseli Cavalcante, de 57 anos, foi a primeira a chegar à fila, por volta das 19 horas do domingo (15). Depois de trabalhar por 12 horas como faxineira, ela anuncia a baixa temperatura da madrugada na capital paulista para se candidatar — e o esforço de entrega de carteira assinada em uma empresa de prestação de serviços.

“Eu acho [durante a madrugada] que estava na minha cama, dormindo, dentro de casa. Mas ao mesmo tempo eu estava precisando trabalhar e decidindo tentar. Mas é doído passar a noite no meio do tempo, na friagem. Eu estava congelando tudo sem uma coberta, sem nada”, diz Roseli.

Veja também:

Moradora de Itquera, na zona leste da capital, ela foi demitida em conta20 da empresa em que a ligação02 como faxineira. Sem emprego, passou a fazer faxinas diárias e salgados para ajudar na renda da família.

“Eu ia fazendo um bico aqui, outro ali. Trabalhava por dia porque de vez em quando aparecia algum serviço. E ia vendendo as minhas coxinhas, porque também salgados. E coisas que estão lutando, fazendo essas coisas, trabalhando por dia, levando minha vida assim”.

Esta é a sétima edição do mutirão e a primeira pós-pandemia. O número de vagas é um dos destaques positivos deste ano, devido ao “momento adverso que o Brasil vive”, avalia Ricardo Patah, presidente do Sindicato dos Comerciários e também da UGT (União Geral dos Trabalhadores).

“Sabemos o número do desemprego no Brasil, mas quando fazemos um mutirão nós vemos a cara do desemprego. São pessoas sofridas. O brasileiro não é vagabundo, ele quer oportunidade, ele quer trabalhar. Tem algumas pessoas que vêm com a própria família. Muitas delas sem recursos inclusive para voltar para casa. Esse é um aspecto que dói”, diz Patah.

Leia mais: Bolsonaro edita MP que altera frete e reduza gatilho para revisão de tabela

Desemprego

Segundo os dados da Pnad Contínua (Pesquisa Nacional por Amostra de Domicílios Contínua), do IBGE (Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística), o desemprego no Brasil ficou em 11,1% no primeiro deste ano. Embora o dado seja o menor para o período desde 2016, quase 3,5 milhões de pessoas são desempregadas de longo prazo (que processo mais um trabalho há pelo menos dois anos). Os que o emprego há pelo menos um ano são 5 milhões.

As principais ofertas de serviços, outras operações no mutirão estão no setor de comércio e comércio, colocações como telemarketing, vendedor, repositor, padeiro e confeiteiro, etc. Foram distribuídas 1,3 mil senhas de atendimento no primeiro dia e mais 1,2 mil senhas para cada um dos demais dias desta semana.

Mas o presidente do Sindicato dos Comerciários e da UGT diz que as pessoas ainda podem se dirigir ao mutirão. “Conseguimos mais 400 vagas no final da tarde bares e restaurantes também e acho que vamos ofertar mais vagas ainda no decorrer dos dias”, diz Patah, ressaltando que a visibilidade faz com que mais se registrem no site que oferece mais vagas.

9 formas de transformar o seu Imposto de Renda em Dinheiro: um eBook gratuito te mostra como – acesse aqui!

Leia mais:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here