O Presidente de El Salvador, Nayib Bukele, está promovendo o uso e adoção do Bitcoin (bitcoin) Parágrafo 32 bancos centrais e 12 autoridades financeiras de economias emergentes apresenta o relatório anual da Alliance for Financial Inclusion (AFI), uma aliança global de liderança política. O político é o conhecido do encontro.

O evento, que começou na segunda-feira (16) e terminará na quarta-feira (18), aborda temas como inclusão financeira e economia digital, dos benefícios que El Salvador ao adotar o primeiro país do mundo a adotar o bitcoin como moeda de curso legal no ano passado, disse Bukele.

Segundo o político, entre os países participantes estão Paraguai, Haiti, Honduras, Costa Rica e Equador da América Latina; Angola, Gana, Namíbia e Uganda da África; e Bangladesh, Palestina e Paquistão da Ásia.

AFI A FAZER SUAS REUNIÕES PRESENCIAIS APÓS DOIS ANOS DE PANDEMIA, E ATUALMENTE REALIZADOS COMUNICADOS PARA SEU GRUPO DE TRABALHO DE SERVIÇOS FINANCEIROS DIGITAIS E PARA O GRUPO DE TRABALHO DE TRABALHO DE FINANÇAS PARA PEQUENAS E MÍDIAS SALVADOR.

“El Salvador, que se juntou à rede AFI em 2012, fez um progresso significativo no gerenciamento de serviços financeiros para promover a inclusão de equipamentos e programas políticos”, disse o diretor de implementação e programas de políticas da AFI, Eliki Boletawa, em comunicado.

Uma tentativa de El Salvador de promover o desenvolvimento do Bitcoin entre os países ocorre em meio a uma disputa com o Fundo Monetário Internacional (FMI), que em janeiro recomenda que o país da América Central voltasse atrás e abolisse o uso do BTC como moeda legal devido aos riscos financeiros e passivos criados.

Em março, El Salvador decidiu adiar sua oferta financeira de US$ 1 em títulos de Bitcoin por Finanças do país, Alejandro das condições desfavoráveis ​​do mercado, disse o ministro Zelaya.

Até onde criptomoedas vão chegar? Qual a melhor forma de comprá-las? Nos preparamos uma aula gratuita com o passo a passo. Clique aqui para assistente e receba a newsletter de criptoativos do InfoMoney