quem era a vilã e 6 curiosidades sobre a trama

A novela A Favorita, nova trama do Vale a Pena Ver de Novo, tem como mistério principal nos primeiros meses o segredo sobre quem era a vilã. Flora (Patrícia Pillar) e Donatela (Cláudia Raia) tentam identificar os demais personagens e o público de que falam a verdade sobre o assassinato de Marcelo (Flávio Tolezani). É somente por volta do capítulo 50 que a audiência descobre a identidade do assassinato.

Quem era a vilã da novela A Favorita?

Flora era a vilã da novela A Favorita. A trama começa justamente com uma loira saindo da cadeia após ser condenada a 18 anos de prisão pela morte de Marcelo. No entanto, em um primeiro momento, o personagem se passa como mocinha e se mostra para o público como se fosse uma figura angelical, chegando à audiência a crer que ela era inocente.

Enquanto isso, Donatela é apresentado como arrogante e prepotente. Depois do assassinato de Marcelo, ela se casou com Dódi (Murilo Benício), ex-marido de Flora, e criou Lara (Mariana Ximenes) como se fosse sua filha – as duas moram na mansão dos Fontini.

O público descobre que Marcelo era casado com Dona, mas manteve um caso com Flora. Inclusive, Lara é filha dos amantes.

A revelação sobre quem está falando a verdade sobre o assassinato só depois de três meses de exibição da novela. Há um flashback da noite em que Marcelo foi morto, e mostra que a loira estava com ciúmes do amante. Certa de que ele amava Donatela, Flora atira no rapaz.

A partir daí, Flora passa a mostrar a sua verdadeira face e se junta a Silveirinha, ex-empresário a dupla Faísca e Espoleta, para destruir a vida da rival.

Flora (Patrícia Pillar) é a vilã de A Favorita – Foto: Rede Globo

Curiosidades A Favorita

Depois de mais de dez anos de sua exibição original, A Favorita finalmente vai ganhar uma reprise na Globo. A trama foi escrita por João Emanuel Carneiro e trouxe Cláudia Raia e Patrícia Pillar nos papéis principais. O autor inovou ao não revelar de imediato para o público quem era a vilã do folhetim. Relembre algumas curiosidades.

Vazamento do último capítulo

O autor do último capítulo de A Favoritavazou para a imprensa na época, o autor de João Carneiro e a emissora furiosos. Em entrevista ao jornal O Dia, o escritor disse que a Globo ia investigar como isso havia acontecido. “A pessoa que passou essa informação vai ser demitida”, disse.

Saída de Juliana Paes

Juliana Paes interpretou a jornalista Maíra em A Favorita, mas deixou o elenco para viver a protagonista Maya de Caminho das Índias (2009), novela que substituiu o folhetim de Carneiro. Para que a atriz pudesse sair da história, sua personagem foi assassinada por Flora.

Reprise – Quem era a vilã da novela A Favorita?

A Favorita foi exibida em 2008, mas foi só em 2022 que a Globo anunciou uma reprise da exibição, depois de 14 anos que o folhetim foi ao ar. A história também nunca havia sido reprisada no Canal Viva, e foi só em 2020 que os capítulos foram disponibilizados no Globoplay. Não se sabe porque o canal demorou tanto para considerar uma nova exibição.

Visuais dos personagens

O visual de Dódi, interpretado por Murilo Benício, foi inspirado no Al Pacino do filme ‘Scarface’ (1984). Já a jornalista Maíra (Juliana Paes) teve como referência Patrícia Poeta, então apresentadara do Fantástico. Para Alícia (Taís Araújo), como inspiração para os cabelos de cantoras famosas da cena pop como Beyoncé e maquiagem de Amy Winhouse.

Paródia – Quem era a vilã da novela A Favorita?

Você se lembra do programa humorístico Casseta e Planeta? A Favorita ganhou uma paródia intitulada de A Periquita. Durante a exibição dos Jogos Olímpicos de Verão de 2008, foi rebatizada de A Olímperiquita.

Patrícia Pillar ganhou tatuagem falsa

Para interpretar Flora, Patrícia Pillar ganhou uma tatuagem falsa nas costas. O desenho era de uma estrela com asas. Ela também fez uma visita ao presídio feminino Talavera Bruce, em Bangu, zona Oeste do Rio de Janeiro, para se preparar para o papel.

+ O que acontece com Gonçalo em A Favorita, papel de Mauro Mendonça


Publicado

em

por

Tags:

Comentários

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *