Presidente do BC do Japão descarta chance de ajuste da orientação no curto prazo – Money Times

0
35

“A pandemia do coronavírus é um grande risco que pode prejudicar ainda mais a economia do Japão”, disse Kuroda em um seminário (Imagem: REUTERS/Thomas Peter)

O presidente do banco central do japão, Haruhiko Kurodadisse nesta sexta-feira que o Banco do Japão vai manter sua orientação sobre a trajetória futura dos juros por enquanto, já que a pandemia do coronavírus continua a pesar sobre a economia.

Sob a atual orientação futura, o banco diz que “não hesitará em tomar medidas de flexibilização” e espera que as taxas de juros de curto e prazos “permaneçam em seus níveis adicionais ou inferiores”.

Conforme Bancos em todo o mundo ainda podem citar os juros, os mercados vêm com referência que o banco central japonês para uma mais inclinada sua centralidade ainda pode ser considerada mais referência sobre sua prontidão para afrouxar afrouxar.

“A pandemia do coronavírus é um grande risco que pode prejudicar ainda mais a economia do Japão”, disse Kuroda em um seminário.

“Assim, é apropriado manter… o viés ‘dovish’ de nossa orientação por enquanto”, disse ele.

Kuroda também disse que um aumento da inflação no curto prazo não terá sustentabilidade, uma vez que será impulsionado pelos custos principalmente de energia, enfatizando a necessidade de manter uma política econômica ultrafrouxa.

Isenção de responsabilidade

O Money Times publica informativo, de caráter jornalístico. Essa não constitui uma constituição de investimento.

Receba como as newsletters do Money Times!

Cadastre-se nas nossas newsletters e estamos sempre bem informados com as notícias que enriquecem seu dia! O Money Times traz 8 curadorias que abrangem os principais temas do mercado. Faça agora seu cadastro e receber as informações diretamente no seu e-mail. É de graça!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here