BC altera regras para fazer frente ao risco de crédito e prevê redução de R$3,8 bi em requisitos

0
37

BRASÍLIA (Reuters) – O Banco Central edita nesta quinta-feira resolver que alguns procedimentos para o cálculo do capital que as instituições financeiras precisam reservar para fazer frente ao risco de crédito.

Segundo autarquia, são mais robustas e novas refinamentos ao risco, trazendo um potencial de impacto das operações. A estimativa é que a norma abra para uma redução de 3,8 bilhões de reais acordos nas exigências de capital para o sistema financeiro como um todo, com o impacto individual variando de com a carteira de espaço de cada instituição.

No financiamento imobiliário, o BC disse que não existe um risco de ponderação de passar a variar os objetivos de base, que permitem, por exemplo, com menos probabilidades verificadas uma exigência de capital menor, o que não ocorre atualmente.

Segundo, o aprimoramento proposto a partir do requerimento de capital foi construído a partir de uma consulta pública do BC, divulgado em dezembro de 20 e está alinhado às melhores práticas do Comitê de Basileia para Supervisão Bancário qual o Brasil é membro.

(Por Isabel Versiani)



LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here