EUA revivem programa da 2ª Guerra para agilizar ajuda à Ucrânia

0
37

Estratégia por empregado Roosevelt, que apoiou os aliados contra os nazistas na Europa, será aplicado no envio de ajuda a Kiev. No Dia da Vitória, Zelenski exalta os ancestrais que lutaram contra Hitler.O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, anunciou nesta segunda-feira (09/05) uma nova para facilitar o envio de ajuda militar e financeira à Ucrânia, ao sancionar que reavivou um programa usado a Segunda Guerra Mundial, que foi usado a ser usado a Alemanha.

A estratégia lend-lease (“empréstimo e arrendamento”), aprovada por democratas e republicanos, permite a transferência rápida de chamadas militares e outros recursos para Kiev. O programa original de 1941, chamado de presidente pelo Franklin D. Roosevelt, “Arsenal da Democracia”, Reino Unido e os aliados a combaterem como tropas nazistas na Europa.

Antes de sanar a, Biden utilizou uma referência histórica à Segunda Guerra, ao afirmar que a invasão russa à Ucrânia “traz mais uma vez a destruição arbitrária à Europa”.

Não por acaso, o novo lend-lease veio à tona no mesmo dia em que o presidente russo, Vladimir Putin, tomou parte nas comemorações do Dia da Vitória em Moscou – a data mais patriótica para os russos, que marca o aniversário da capitulação da Alemanha nazista em 1945 – para promover que chama de “ofensiva militar” russa ao país vizinho.

A sanção presidencial em um momento em que o Congresso americano prepara a liberação de bilhões de dólares para reforço a resistência presidencial, com os democratas prestes a anunciar um pacote de mais de 40 bilhões de dólares em ajuda militar e humanitária, superando de longe os 33 bilhões que Biden havia pedido inicialmente.

Em nota, foi estipulado que o Congresso deve ser aprovado, com urgência ou novo pacote de ajuda para evitar uma interrupção no fornecimento de ajuda militar cranianos. O prazo para a aprovação expira em dez dias.

“Não podemos permitir que nossas remessas de ajuda sejam planejadas enquanto aguardamos as ações do Congresso”, afirmou o presidente, pedindo urgência aos congressos.

Em carta enviada ao Congresso nesta segunda-feira, o secretário do Estado Americano, Antony Blinken, e o secretário da Defesa, Lloyd Austin, também pediram aos parlamentares que aprovem o pacote de ajuda antes do dia 19 de maio.

Zelenski exalta resistência ucraniana na 2ª Guerra

Em Kiev, o presidente ucraniano, Volodimir Zelenski, aproveitou o Dia da Vitória para comemorar a resistência ucraniana contra os nazistas na Segunda Guerra e desmentir mais uma vez a tentativa russa de justificar a invasão à Ucrânia como um esforço para “desnazificar” o vizinho .

“Temos orgulho de nossos antepassados ​​que, nada com outras nações-Hitler, o nazismo. Não deixemos que vitória ninguém nos roube essa, não permitamos que seja apropriado”, disse Zelenski, em nota.

“No Dia da Vitória sobre o nazismo, lutamos por uma nova vitória”, afirmou. Ucranianos diferentes do país relembraram as vítimas da Segunda Guerra. Em Kiev, milhares de pessoas depositaram cravos vermelhos no túmulo do Soldado Desconhecido e outros memoriais.

rc (AP, DPA)



LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here