quais os erros mais comuns que a Receita Federal pega?

0
57

Até o dia 31 de maio, o brasileiro deve declarar o Imposto de Renda 2022. Sendo assim, é fundamental estar atento a todas as informações que são repassadas à Receita Federal. É aqui isso, pois se faltar algum documento o cidadão pode cair na malha fina. Ainda mais quando a Receita cruza os dados dos contribuintes e empresas.

Em suma, todos os dados são checados, e assim, qualquer erro pode deixar a pessoa com pendências. Portanto, confira abaixo os erros mais comuns que levam a pessoa à malha fina.

É que você provavelmente também gosta:

Receita ampliada de isenção de imposto de renda na venda de imóveis, confira o que muda

Malha fina: quais os erros mais comuns que a Receita Federal pega?

Em geral, quase sempre que o contribuinte cai na malha fina é porque ele cometeu erros básicos. Entretanto, por mais simples que seja, esse erro pode ser creme.

Um erro muito comum é o gasto com a saúde. Diversos contribuintes informam despesas muito mais altas do que a realidade. Dessa forma, quando a Receita cruza os dados com as declarações pelas clínicas, por exemplo, descobre o furo. A partir disso, a comprovação de que houve uma declaração de despesas sem comprovação, e uma pessoa com comprovação de malha fina.

Além disso, se o informante não declare o salário que recebeu de uma empresa, ele também pode cair na malha fina. É aqui que compara a Receita as informações cedidas por isso e a garantia dos dados repassados. Ademais, é importante ter também a Declaração de Informações sobre Movimentação Financeira. Em suma, quem envia o documento são instituições financeiras, como Bancos, cooperativas e casas de câmbio. Os dados mostram todas as movimentações dos contribuintes como pessoa física.

Por outro lado, quem vende um imóvel com valor maior que R$ 300 mil também precisa fazer uma declaração de imposto de renda. Nesse caso, o contribuinte deve substituir o imposto sobre o ganho de capital. Por fim, os rendimentos com aluguel também precisam constar na declaração do Imposto de Renda.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então não siga não canal do youtube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Contração muscular e Instagram. Assim, você vai acompanhar tudo sobre bancos digitais, cartões de crédito, Financeiro, fintechs e relacionado ao mundo das finanças.

Imagem: SERGIO VS RANGEL / Shutterstock.com

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here