Ações: norma de descarte de equipamentos

0
31

O Plano de Gestão de Logística Sustentável (PLS) engloba diversas ações que objetivam melhorias diversas no que tange à sustentabilidade. Confira algumas ações formalizadas pelo PLS sobre a destinação dos cartuchos de impressão!

Ações: norma de descarte de equipamentos

O cartucho, quando vazio, perde sua utilidade se não for reaproveitado, resultando em lixo. Além disso, não pode ser necessário o meio ambiente.

Norma de descarte de equipamentos: cartuchos de impressão

Sobre esse assunto, a meta definida não Plano de Gestão de Logística Sustentável (PLS) era a de “dar correta destinação aos cartuchos de impressão”, com as seguintes ações:

Mapeamento de impressoras e logística reversa

  1. a) mapear como impressoras próprias da Presidência da República, descrevendo a situação atual, o tipo de cartucho utilizado e a distribuição; b) elaborar Norma de Descarte de Equipamentos de TIC;
  2. c) revisar os processos de aquisição de cartuchos que estabeleça a logística reversa dos cartuchos para impressão pelas empresas fornecedoras e aos centros de reciclagem das fábricas

Para tanto, a Coordenação-Geral de Operações e Atendimento a Usuários da Diretoria de Tecnologia – DITEC/SA, através do processo-SEI nº 00094.000168/2019-31, informou que a PR possui um parque de impressão que conta atualmente com 655 editoras ao desenvolvimento de suas rotinas administrativas.

Contrato de terceirização

Destas unidades, 221 fazem parte do patrimônio da PR, enquanto que os 4 equipamentos restantes são disponibilizados por meio de contrato de terceirização.

Quanto necessidade de elaboração da Norma de Descarte de Equipamentos de TIC, a etapa de inclusão de equipamentos de TIC, uma vez que se encontra em discussão, no processo-I nº 00094.00/2019-19, a uma minuta de “Política de Obsolização de Equipamentos” TIC”, porém não foi eficiente ao CGD-PR

Termos editalícios

Em relação à elaboração prevista – revisão dos de aquisição para a elaboração de processos de logística reversa do Contrato nº 04/2017, cujo projeto é a proposta de serviços de terceirização de objeto 7, mais especificamente , os itens 7.20 e 7.21 dos termos editalícios, conforme as seguintes determinações:

  • 7.20. Removedor, após a instalação dos equipamentos, qualquer um dos equipamentos oriundo dessa atividade.
  • 7.21. Realizar a logística reversa dos suprimentos utilizados no contrato, em conformidade com as diretrizes da Política Nacional de Resíduos Sólidos (Lei nº. 12.305/2010).

Almoxarifado Virtual Nacional

Isto posto, destaca-se que o material referente aos equipamentos do escopo do contrato já é objeto de logística reversa. Quanto equipamento da PR, houve a adesão ao próprio cartucho da iniciativa da República Virtual Nacional, da Central de Compras, o fornecimento dos cartuchos realizado por esse meio. Entretanto, após a baixa demanda no Almoxarifado Virtual, o item foi retirado da cesta de produtos do Ministério da Economia.

Veja o que é sucesso na Internet:

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here