Senado pede explicação para Aneel sobre não crédito de R$ 60 bilhões para reduzir conta de luz

0
56

A Agência Nacional de Energia Elétrica (Aneel) foi intimada a explicar aos senadores a não utilização de R$ 60 bilhões para reduzir a contas de luz dos brasileiros. As companhias elétricas já receberam o repasse, mas o valor não chegou ao consumidor final.

De acordo com o senador Fabio Garcia (União-MT), valor bilionário é referente à cobrança do ICMS na base de cálculo da contribuição do PIS/COFINS pago pelos defensores.

Garcia Infra uma estrutura audiência na Comissão de Contestação a essa liberação crédito, que deveria ser usado para diminuir a tarifa dos consumidores. No momento, a data ainda não foi definida.

Crédito bilionário da Aneel não chegou no consumidor

A proposta de um debate com diretores da Aneel vem para não ter a falta de repasse do crédito só para os consumidores, mas também o porquê de ter sido aprovado tarifário diversos em estados. Em declaração no plenário, o senador completou:

“Para que a gente saia do debate raso e venha com uma prática, um dinheiro que existe na mesa, que pertence aos consumidores de energia elétrica brasileiros, que pode muito contribuir para a redução do preço da energia elétrica no Brasil.”

Recentemente, também foi divulgado que é esperado um aumento na conta de energia do Rio Grande do Sul. A Aneel abriu, no dia 19, uma consulta pública para debatedor a revisão tarifária de cinco distribuidores do estado.

A agência decidirá sobre os novos índices que entrarão em vigor no dia 22 de julho. A proposta, o aumento médio para o consumidor será de 6,45% a 19,83%.

Apesar dos reajustes aprovados, a Aneel declara que o fim da bandeira de “escassez hídrica” deve reduzir ou mesmo anular o efeito dos reajustes nas tarifas.

Desde o começo de abril, o país adota a “bandeira verde” na cobrança de luz. Antes, a bandeira de “escassez hídrica” estava em vigor, que acrescentava o custo de R 14,20 a cada 100 quilowatts-hora de consumo.

Enfim, quer ficar por dentro de tudo o que acontece no mundo das finanças?

Então nos siga no canal não Youtube e em nossas redes sociais, como o Facebook, Twitter, Instagrame Contração muscular. Assim, você acompanhará tudo sobre Bancos digital, cartões de crédito, Financeiro, fintechs e relacionado ao mundo das finanças.

Imagem: Maxx-Studio / Shutterstock.com

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here