Rússia multa Google por “informações falsas”compartilhadas no YouTube

0
64

A justiça russa decidiu multar o Google em 11 milhões de rublos, o que na cotação atual equivale a cerca de US$ 137 milhões. Segundo as autoridades, a empresa está distribuindo “informações falsas” sobre a guerra na Ucrânia sem YouTube.

UMA grande tecnologia foi considerada culpada de “cometer de violações” e multada em 4 e 7 milhões de rublos em casos administrativos, informados o Tribunal Distrital nesta quinta-feira (21). Por ora, a empresa ainda não comentou o caso.

publicidade

Rússia multa Google por “informações falsas”compartilhadas no YouTube.
A gigante de buscas foi considerada culpada de “cometer violações administrativas” na Rússia. Imagem: ThomasAFink/Shutterstock

Segundo as informações da agência de notícias local TASSo tribunal disponível ainda que vídeos por direita estão disponíveis.

Vale lembrar que a Rússia bloqueou outras redes sociais no país, incluindo Facebook e Instagram. O YouTube, embora sob pressão do governo, continua funcionando no país.

O órgão de vigilância de comunicações da Rússia já havia alertado que o Google seriado se retirasse o conteúdo do ar, o que faz parte da estratégia não elaborada pelos russos para controlar o de informação sobre o conflito na internet.

Através da: Reuters

Leia mais:

Russos processam Netflix por interromper serviço

Quem também está na mira dos russos é a Netflix. Assinantes do serviço de streaming na Rússia entrou com um processo coletivo contra a empresa recentemente após a suspensão do serviço no país.

A sequência da invasão à Ucrânia, a sequência em que ocorreu a invasão à Ucrânia, a sequência em que ocorreu também a invasão à Ucrânia, a sequência em que a sequência funcionou comercialmente pelo ocidente na região, a sequência em massa funcionou comercialmente pelo ocidente na região, após a sequência funcionaram comercialmente pelo ocidente na região.

Já assistu aos novos vídeos no Youtube do Olhar Digital? inscreva-se no canal!

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here