Beanstalk, protocolo de stablecoin na Ethereum, sofre hack e perde mais de US$ 180 milhões – Money Times

0
51

Beanstalk perdeu mais de US$ 180 milhões em diversos criptoativos (Imagem: Pixabay/Pete Linforth)

Pé de feijãoum protocolo descentralizado de crédito de moeda estável desenvolvido na Ethereum (ETH)sofreu um hack no último domingo (17).

O protocolo perdeu cerca de US$ 182 milhões em diversos criptoativossegundo descobertas do blockchain do protocolo feito pela PeckShield.

O hacker de Beansk conseguiu obter US$ 80 milhões, que foram recebidos ao Tornado Cash, um misturador de criptomoedas que dificulta o rastreamento de transações privadas.

Segundo o The Block, o hacker obteve 24,83 milhões de notícias ETH — cerca de US$ 72 no momento de publicação. No momento do ataque ao protocolo, o valor somava US$ 75,8 milhões.

A parte restante dos fundos roubados estava na forma de drenagemda conectada ao token de governança do protocolo.

Quanto ao modo como o hack foi identificado, os sinais indicam que o hacker usou uma grande quantidade Stalk, o token de governança na plataforma — por meio de um protocolo de avaliação (“flash loan”) na plataforma Aave — para criar uma proposta de melhoria ao protocolo.

“Flash empréstimos tomados a valores monetários” são um modo cripto de criptomoedas, pois o baixo valor é um modo de transação, no mesmo bloco.

Com a grande quantidade de tokens de governança proposta em mãos, o hacker conseguiu fazer com que sua falsa fosse, retirando os fundos do protocolo e enviando-os para uma carteira pessoal.

Até o momento, o Beanstalk não forneceu detalhes sobre uma possível restituição de fundos às vítimas do ataque.

Beanstalk, Axie Infinity e hacks em DeFi

O hack ao protocolo Beanstalk marca o segundo grande ataque a finanças descentralizadas no último mês.

No final de março, Sky Mavis, dona do jogo Axie Infinity (AXS), informou que a rede Ronin Network havia um sidechain de US$ 625 milhões.

Na última semana, o Departamento Federal de Investigações dos Estados Unidos (FBI) atribuiu o ataque ao jogo a hackers norte-coreanos.

“Por meio de nossa investigação, pudemos confirmar que Lazarus Group e APT38, cibernéticos associados a DPRK, são responsáveis ​​pelo roubo de US$ 620 milhões em ethereum, no dia 29 de informado”, disse o FBI, em um comunicado divulgado na semana passada.

LEAVE A REPLY

Please enter your comment!
Please enter your name here